Ação contra prefeito é a última da “Operação Sal Grosso”

A investigação que resultou na ação do Ministério Público contra o prefeito de Mossoró Francisco José Junior (PSD) divulgada na última sexta-feira é parte da “Operação Sal Grosso”.

Na verdade, é a última ação dos trabalhos iniciados em 2007. É o que explica uma credenciada fonte do parquet. “Foi um trabalho complexo que precisou de quebras de sigilo. Quando ele se tornou prefeito o processo subiu para o Procurador-Geral”, justificou a fonte.

Francisco José Junior não foi o único vereador da legislatura 2005/09 a ter o uso da verba de gabinete questionada. Os outros 12 integrantes da Câmara Municipal na época também foram alvos.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *