Estudo mostra RN na “zona de rebaixamento” da eficiência administrativa

No final de semana a Folha de S. Paulo divulgou o Ranking da Eficiência administrativa dos governos estaduais. Dos 26 Estados avaliados (o Distrito Federal ficou de fora), o Rio Grande do Norte foi 23º lugar, o que lhe coloca entre os quatro piores do país, espécie de zona de rebaixamento da gestão.

Além de ser o pior colocado do Nordeste, os potiguares ainda assistem a vizinha Paraíba ficar em sexto lugar, que hoje renderiam uma vaga na fase preliminar da Libertadores da América numa analogia com o Campeonato Brasileiro de Futebol.

O ranking da eficiência mede o que os Estados fazem com o que arrecada.

Esse foi o tema do nosso comentário de hoje no Bom Dia Mossoró da TCM.

Compartilhe: