CCJ da Assembleia retira de pauta votação do pedido de anisitia do governo para não pagar dívida do FUNFIR

a27d1c71-b59b-448d-8cd4-0ccde53abf07

O governador Robinson Faria (PSD) não teve sucesso no trabalho para que a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa votasse com urgência o projeto de lei que anistia o Governo do Estado de repor os saques ao Fundo Previdenciário. Pelo contrário, a proposta foi retirada da pauta.

A informação foi dada ontem pelo presidente da CCJ, Albert Dickson (PROS), em entrevista ao Cenário Político da TCM Canal 10. “Essa semana tivemos a posse como presidente da CCJ e tivemos acesso a pauta dos projetos e o tema mais polêmico era o do FUNFIR que envolve os servidores, aposentados e pensionistas. O Governo não queria devolver”, frisou.

De acordo com o deputado estadual é preciso ouvir a sociedade antes de tomar uma decisão desse porte. “De pronto eu tirei da pauta porque não poderia votar esse projeto sem ouvir os sindicatos e a sociedade em si porque isso iria mexer com muitas pessoas. Só colocaremos em pauta quando tivermos a certeza de que a sociedade apoia aquele projeto”, declarou.

Ele também vai ouvir as lideranças políticas. “Quem coloca em pauta é o presidente. Vamos ouvir o presidente da casa (Ezequiel Ferreira de Souza), o governador Robinson Faria e o líder da bancada governista Disson (Lisboa). Meu coração é que não se coloque. Sou servidor concursado, auditor fiscal e isso mexe com muita gente. Se depender de mim não colocaremos em pauta”, explicou.

No final do ano passado o pedido de anistia da dívida do Governo do Estado com o FUNFIR já tinha rendido uma derrota ao governador Robinson Faria quando o colegiado de líderes negou a dispensa de tramitação.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *