Chuva de arte e história na Capela de são Vicente

A narração da história de resistência ao bando de lampião abrilhantou o Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2016, através do espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró. A estreia da apresentação aconteceu, na noite desta quinta-feira, 9, e encantou o público que prestigiou essa tradição da cidade.

A encenação deste ano exalta o orgulho do povo de Mossoró em virtude da resistência ao bando de lampião. A produção musical adota um conceito tradicional também aplicado em apresentações do gênero. A sonorização orquestral está em evidência durante o Chuva de Bala e a cena da batalha apresenta nova montagem. O sucesso ‘Sempre Resistir’, bem como a música ‘Alguém pra bater em mim’, tema dos cangaceiros”, realçam a beleza do espetáculo.

A história começa a ser contada a partir dos relatos da personagem Celina Guimarães, que foi a primeira mulher a ser alçada à condição de eleitora no Brasil. A apresentação é permeada por musicais. Parte dos cenários é composta por diferentes imagens, que são projetadas em uma estrutura instalada em frente à Capela de São Vicente. Por meio desse dispositivo, a fachada da igreja ganha vida, com variadas paisagens em consonância com as situações abordadas nas cenas.

O elenco é composto por 61 pessoas, entre atores, musicistas e bailarinos. Os atores, predominantemente da cidade, estão engajados, para envolver o público, através do enredo do ‘Chuva de Bala no País de Mossoró’.

O espetáculo é encenado ao ar livre e conta a história de bravura e resistência de Mossoró ao bando de Lampião. O fato aconteceu no ano de 1927 e é contado em um cenário real, a Capela de São Vicente. A apresentação valoriza o talento da cidade, com a importante participação de artistas locais.

A fisioterapeuta Valdívia Brito assistiu ao Chuva de Bala e elogiou a atração. “O Chuva de Bala é magnífico e os efeitos especiais esplendorosos, sem falar na atuação, que é perfeita”, declarou. A professora Regina Sá, professora e mãe do ator Plínio Sá, que interpreta o Coronel Gurgel, também fez questão de enaltecer o espetáculo. “É um espetáculo excelente, maravilhoso de se ver. Fico emocionada especialmente em ver meu filho atuando”, expressou.

A titular da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SEMECE), Glaudionora da Silveira, comemorou a primeira noite de apresentação. “Foi sucesso total, com os artistas muito empolgados. Quero parabenizar todo o elenco”, frisou. O Chuva de Bala será apresentado de quinta a domingo, a partir das 21h, no adro da Capela de São Vicente, Centro.

Título: Blog do Barreto

Texto: comunicação PMM

Foto: Gildo Bento

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *