Cordel homenageia centenário de Vingt-un Rosado

O centenário do escritor Vingt-un Rosado será homenageado por meio de um cordel com a assinatura do ex-editor da Coleção Mossoroense, poeta e jornalista Caio César Muniz.

O lançamento será no próximo dia 25 de setembro no Teatro Dix-huit Rosado a partir das 19h30. A organização do evento informa que todos os protocolos de segurança para evitar o contágio do novo coronavírus serão aplicados.

O cordel que tem ilustração do chargista Brito e Silva está inserido na programação em homenagem ao centenário de Vingt-un Rosado, criador da Coleção Mossoroense em 1949. O trabalho chama-se “Parabéns, Vingt-un Rosado” e foi inteiramente financiado pela Fundação.

Caio trabalhou diretamente com Vingt-un no período entre 1999 e 2005, quando o escritor faleceu (21 de dezembro). Ele ainda manteve-se ligado à Fundação Vingt-un Rosado até 2015, na coordenação de projetos e na edição de obras da Coleção Mossoroense.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter

Canal Bruno Barreto