Delator da Odebrecht relata reunião com Rosalba em Natal

Alexandre Barradas
Delator Alexandre Barradas explica como atuou na campanha de 2010 no RN

O Blog do Barreto divulga com exclusividade o depoimento de Alexandre José Lopes Barradas, ex-executivo da Odebrecht. Ele relata como se deu os repasses as campanhas de Rosalba Ciarlini (que disputou e venceu o Governo do Estado pelo DEM) e Fábio Faria (na época no PMN, atualmente no PSD) nas eleições de 2010. Ele se reuniu com a então senadora em Natal.

O encontro foi intermediado pelo deputado que tentava a reeleição. “Em julho de 2010, fui apresentado por FERNANDO CUNHA REIS, ao empresário carioca FABIANO FARIA, que tinha interesses comuns com a ÜDEBRECHT AlvlBIENTAL em outros negócios. FERNANDO me disse para avaliar com ele a possibilidade de projetos em saneamento no Rio Grande do Norte. Em seguida, FABIANO me convidou para um jantar no Rio de Janeiro. Nesse jantar conheci o Deputado Federal FÁBIO FARIA que me disse querer tratar de apoio à campanha ao governo do estado em 2010, onde seu pai, ROBINSON FARIA era candidato a vice-governador”, relatou.

Segundo Barradas, após o encontro foi agendada uma visita dele a Natal para conversar com a candidata Rosalba Ciarlini e saber quais eram as reais intenções dela na área de saneamento. O limite para a ajuda era de R$ 450 mil. “A candidata ROSALBA, médica sanitarista, me disse ser entusiasmada com o tema

saneamento e que esse seria um ponto focal no seu governo”, frisou.

Para saber mais clique AQUI, AQUI e AQUI

Nota do Blog: Rosalba é pediatra e não médica sanitarista como diz o delator.

Em instantes a segunda parte da reportagem sobre o depoimento de Alexandre Barradas.

Compartilhe:

Comments

comments

2 opiniões sobre “Delator da Odebrecht relata reunião com Rosalba em Natal

  • Pingback: Assessoria de Rosalba afirma que pagamento a Odebrecht foi relativo a obra da gestão anterior – Blog do Barreto

  • 15 de abril de 2017 em 04:02
    Permalink

    O JUDICIÁRIO MAIS CEGO E CÍNICO DO MUNDO.
    Maluf, por décadas, malufou á vontade, e continua deputado,
    Sarney roubou o Maranhão e o Brasil por 50 anos e nada aconteceu.
    Collor colorizou o Brasil inteiro com corrupção aberta, mandou matar PC Farias, e continua senador.
    FHC comprou o congresso, desviou dinheiro para o exterior, através do Banestado, barbarizou o Brasil por 8 anos e tudo ficou por isso mesmo.
    Juízes venderam sentenças a granel, para criminosos confessos escaparem da cadeia.
    Processos de corrupção contra políticos escancaradamente corruptos se arrastam por anos, no STF.
    Os corruptos e os piores criminosos se elegem facilmente para o Congresso e se reelegem por décadas a fio, chegando ao ponto de passar seus mandatos criminosos para filhos e netos, sem que o judiciário veja qualquer problema nisso.
    Mas a Dilma, que não fez nada disso e combateu a corrupção com tenacidade, foi xingada com os piores palavrões e desrespeitada como mulher e como presidente, foi punida com a perda do mandato.
    Será que você não vê onde é que está o problema do Brasil?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *