Ex- candidato a prefeito reclama por não conseguir exame pelo SUS

cinquentinha

O ex-candidato a prefeito de Mossoró “Cinquentinha” faz contato com o Blog do Barreto para relatar que em pleno Novembro Azul tentou fazer um exame de próstata pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e não conseguiu. Abaixo o relato:

BOM DIA BRUNO. Como eu gostaria hoje de gritar para Mossoró que não posso desistir, mesmo sabendo que estou nadando num mar repleto de ladrões dos direitos do trabalhador. Novembro Azul terminou, e mesmo eu sendo servidor da saúde do Estado e do Município não consegui uma consulta para um urologista pelo SUS, e alguns procedimentos vou ter que pagar por que o SUS não dar na boca dos gestores. Imagine se eu tiver que fazer uma cirurgia de PRÓSTATA. Ai eu tenho trés opções: Vender o carro, fazer um empréstimo consignado, ou esperar a morte chegar. Eu trabalho no HRTM e ao perguntar por que lá no HRTM não fazia uma cirurgia de próstata alguém me respondeu: Por que aqui não faz cirurgias eletivas, só de urgência e emergência. Não faz em lugar nenhum em Mossoró. ” ou alguém sabe informar que durante o novembro Azul foi feita alguma cirurgia de Próstata pelo SUS em Mossoró. Enquanto isso lá no HOSPITAL REGIONAL DA POLÍCIA MILITAR, tem um centro cirúrgico desativado por Rosalba e Robson os melhores gestores para Mossoró. Com duas mesas de cirurgia o HRPM poderia esta realizando cirurgias eletivas de Próstata, Esterrectomia, vesícula, Apendicite, e tantas outras, e não precisava de muito, bastava se ter compromisso com a saúde da população. Mais os políticos covardes sabendo que a maioria da população vende sua cidadania por 100 reais, não tão nem ai. Ai sofrem todos. Cobro explicações de todos os políticos covardes com mandatos e do comando a Polícia Militar que mantém um patrimônio Público desativado dentro do HRPM, se deteriorando e se calam. Até quando vamos conviver com essa inércia das autoridades, enquanto o povo padece. Alô MP.

Assinado RAIMUNDO NONATO SOBRINHO. Inconformado!

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *