Fábio Faria usa tática manjada para disfarçar insucesso na tentativa de tomar o PP do rosalbismo

Rosalba-Ciarlini-Ciro-Nogueira-Beto-Rosado-Betinho-Rosado-Carlos-Augusto-Rosado-07-03-18

A tática é manjada. O político faz uma manobra, o assunto vaza e ele não desmente. Aí a articulação não obtém êxito e ele vai às redes sociais ou mídia convencional dizer que é tudo mentira e culpa os jornalistas por “notícias maldosas”.

Foi assim que fez o deputado federal Fábio Faria (PSD). O anúncio de que ele estava tentando tomar o PP do rosalbismo não teve desmentido imediato. Pelo contrário, ele deixou o assunto correr.

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) arrumou uma viagem de trabalho, mas na verdade foi resolver a vida partidária de seu grupo. Foto com o presidente nacional do PP, o senador do Piauí, Ciro Nogueira, e articulação derrubada.

Restou a Fábio Faria ir ao Twitter culpar a imprensa e dizer que é amigo e admira o deputado federal.

Mas não adianta arengar com os fatos. Horas depois sai a informação de que a cunhada de Rosalba e tia de Beto Rosado, Isaura Amélia, está entregando o comando da Fundação José Augusto.

O assunto é tratado como “rompimento” do rosalbismo com o governador. Na verdade, é só uma entrega de cargo porque essa aliança política nunca existiu de fato pela mais absoluta falta de afinidade política.

Quem quiser acreditar em Fábio Faria acredite.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *