Mais um vereador também vai abrir mão de cota de gasolina e verba de gabinete

Diógenes seguirá exemplo de Raério (Foto: Edilberto Barros)

A exemplo do vereador Raério Araújo, o vereador Gilberto Diógenes (PT) também anunciou na noite desta quarta-feira (13), que entregará amanhã ofício à Presidência da Câmara Municipal de Mossoró anunciando a sua renúncia à Verba de Gabinete e à Cota de Combustível.

“Eu já tinha esta ideia, mas estava aguardando para anunciar no meu discurso de posse, na próxima terça-feira (dia 20). Tendo em vista que o vereador Raério saiu na frente, resolvi antecipar a divulgação da minha decisão”.

A verba de gabinete custará R$ 4.500 e a cota de gasolina R$ 2 mil para cada parlamentar.

Nota do Blog: Gilberto abre com chave de ouro o mandato.

Compartilhe:

Comments

comments

2 opiniões sobre “Mais um vereador também vai abrir mão de cota de gasolina e verba de gabinete

  • 14 de fevereiro de 2019 em 04:57
    Permalink

    O problema é que esse dinheiro não volta para os cofres da prefeitura, fica na câmara para Isabel gastar de outras formas..
    É só reduzir o repasse da prefeitura para a câmara pela metade .. só.

    Resposta
  • 14 de fevereiro de 2019 em 06:25
    Permalink

    Gilberto, só dar provas de merecia está na Câmara a mais tempo. Né mesmo?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *