Moradores do Redenção “madrugam” ao relento em busca de marcação de consultas

A vida dos mais humildes é sofrida e a culpa é da negligência do poder público. A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) prometeu em campanha que as consultas seriam marcadas pela internet acabando com as filas e a humilhação.

A realidade do terceiro ano de gestão é de filas e exposição à violência.

O leitor do Blog do Barreto William Martins foi a porta da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Conjunto Redenção na madrugada da última sexta-feira mostrar o descaso e o risco que os cidadãos sofrem para ter uma consulta.

A gravação foi feita por volta das 5h e tinha um senhor que estava no local desde ás 22h do dia anterior.

Outra senhora tenta há um ano marcar uma consulta em um urologista.

O Blog do Barreto com vocês o que foi prometido por Rosalba na campanha e até hoje não foi cumprido:

 

Compartilhe:

Comments

comments

3 opiniões sobre “Moradores do Redenção “madrugam” ao relento em busca de marcação de consultas

  • 18 de março de 2019 em 10:16
    Permalink

    Dez fichas para consultas? Olha, qualquer verificação no cumprimento da carga horária desse pessoal vai encontrar muitas pessoas recebendo sem trabalhar.

    Resposta
  • 18 de março de 2019 em 12:27
    Permalink

    Aqui no BOM JESUS do mesmo, tem que ir de madrugada para marcar uma consulta.

    Resposta
  • 18 de março de 2019 em 20:22
    Permalink

    Isso acontece também aqui no abolição IV, faz a marcação na sexta feira para a semana seguinte, quem adoecer durante a semana tem que esperar a sexta feira seguinte para marcar pra próxima semana se derr tempo. Se não morrer antes.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *