Operação encontra R$ 265 mil na casa do primo de ex-deputado

Rogério estaria envolvido em esquema (Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

Blog do Dina e Blog do BG

Na ação deflagrada conjuntamente pela Polícia Federal, pelo Ministério Público Federal e pela Controladoria Geral da União ao fim de março, investigadores realizaram busca e apreensão na residência de Ruy Aranha Marinho e apreenderam R$ 265.900,00.

Ruy aparece na investigação como pessoa ligada a Rogério. Segundo os investigadores, recursos de emenda parlamentar do deputado federal, em 2016, passaram pela conta da Artmed e terminaram na de Ruy.

Sobre o assunto, Rogério Marinho se isentou do caso afirmou que depois da destinação da emenda (que ocorreu a pedido de Vereadores de Touros/RN), cabe ao município a execução de seu objeto. Não localizamos a defesa de Ruy Aranha.

Para os investigadores, a soma encontrada na casa de Ruy evidencia a relação entre ele e o proprietário da Artmed, Gabriel Dellane. “Não se pode descartar a hipótese de que expressiva cifra encontrada em poder deste último, durante busca e apreensão realizada em 28/03/2019, tenha origem em operações ilícitas levadas a efeito recentemente por ambos”, descreve o juiz Hallison Rego na decisão em que negou a revogação de prisão de Gabriel.

 

Emenda para aquisição de equipamentos não teria cumprido finalidade

O rumoroso caso da Operação Tiro, que aproximou da investigação do ex-deputado Rogério Marinho, traz ainda outra singularidade.

A emenda parlamentar no valor de quase R$ 270 mil que o então deputado em 2016 destinou ao município de Touros para compra de insumos medicamentosos não se concretizou.

Além disso, a compra do material pelo município, à empresa Artmed, foi feita sem licitação. Para completar, tudo se deu quando o hospital da cidade estava fechado.

Os detalhes constam de decisão judicial em que o juiz Hallison Rego nega a revogação da prisão de Gabriel Delanne Marinho, proprietário da Artmed.

De acordo com o que descreve o juiz, a compra foi feita ao final da gestão do prefeito Ney Leite, em novembro de 2016. A previsão era de que os insumos deveriam abastecer o município por seis meses.

“Quando a nova gestão assumiu, pouco tempo depois (início de 2017), não encontrou os medicamentos e insumos que supostamente haviam sido adquiridos, isso para um hospital que estava há 60 (sessenta) dias fechado, sem demanda de utilização, e que teria recebido compra capaz de dar vazão a seis meses de demanda”, observa o juiz em sua decisão.

O texto ainda traz depoimentos de auxiliares da saúde, tanto os que estavam encerrando a gestão como os da equipe de transição.

De acordo com Regiane Gonçales, da equipe de transição, na última semana de 2016, foi feita uma inspeção no hospital de Touros para verificar as condições do equipamento. Ela atestou que o material encontrado no almoxarifado não era compatível com a quantidade prevista na emenda parlamentar.

Já Francisco Alves de Souza, que cuida do almoxarifado do hospital, informou que as entregas feitas pela Artmed, ao longo da relação com a gestão municipal, eram sempre em pequenas quantidades e suficientes apenas para um mês.

 

Em nota, Rogério Marinho nega envolvimento em irregularidades

A respeito do caso da Operação Tiro, o ex-deputado Rogério Marinho enviou ao Blog a seguinte nota:

Caro Dinarte,

 

Não conheço os termos do processo por você mencionado, nunca fui chamado a prestar nenhum esclarecimento, nem teria o que esclarecer, pois, depois da destinação da emenda (que ocorreu a pedido de Vereadores de Touros/RN), cabe ao município a execução de seu objeto.

 

Ruy Aranha é meu primo em segundo grau e eu não mantinha na época da destinação da emenda – assim como até hoje em dia – nenhuma outra vinculação com ele além desse parentesco.

Eu agradeço a disposição em me ouvir e fico à disposição para qualquer esclarecimento adicional.

 

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “Operação encontra R$ 265 mil na casa do primo de ex-deputado

  • 9 de abril de 2019 em 16:50
    Permalink

    Esse cara quando era deputado protagonizou uma das maiores mentiras da história, que a reforma trabalhista iria gerar 6 milhões de emprego. Ocorreu justamente o contrário, ficou mais fácil o patrão demitir.
    Agora está dizendo que a reforma trabalhista irá gerar empregos… acredita quem quer. Além de ser mentiroso é um ladrão voraz. É a velha direita em ação

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *