Porrete de Jucá na inocência política

Milhões de brasileiros foram para as ruas pedir a saída da presidente Dilma do poder. Conseguiram. Ela está afastada.

O argumento surrado era o de que estavam combatendo a corrupção. O problema é que eles ignoravam quem seriam os substitutos e o motivo para a classe política “ouvir” a voz das ruas.

Até ontem o povo acreditava que essa história de PMDB no poder barraria a Operação Lava Jato era coisa de “petista alienado”. Poderia até ser, mas o tempo mostrou que nem tudo que parece devaneio o é.

As gravações do senador Romero Jucá (PMDB/RR) mostraram a articulação do afastamento de Dilma como forma de “estancar a sangria” provocada pelo Ministério Público, Polícia Federal e o juiz Sérgio Moro. Ele dizia que esse trio queria substituir a atual classe política por uma “casta pura”.

Um porrete de jucá na inocência política do brasileiro.

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “Porrete de Jucá na inocência política

  • 24 de maio de 2016 em 16:45
    Permalink

    Tudo preparado e sabido pelos três poderes para barrar a Lava – Jato segundo Juca Essa gente tem mal cheiro .

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *