Prefeitura cobra recursos para o combate ao Aedes Aegypti

Solicitação aconteceu na reunião do CONARES na manhã desta quarta-feira, 20, em Brasília, com a presença do ministro da Saúde, Marcelo Castro. A secretária Municipal de Saúde, Leodise Cruz, aproveitou a ocasião para solicitar ao ministro intervenção junto ao Governo Federal, a fim de assegurar recursos que permitam reforçar o combate ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya.

Ainda na capital federal, Leodise Cruz participa de grupo de trabalho composto por dez secretários da área que defendem a revisão de toda legislação do Sistema Único de Saúde (SUS) voltada à rede hospitalar.

Com relação ao combate ao Aedes aegypti, o município segue sensibilizando a população sobre a importância de evitar a proliferação do mosquito. “Estamos recebendo muitas denúncias sobre locais que estariam favorecendo a reprodução do mosquito. É necessário que a população dê continuidade às medidas de prevenção, evitando acúmulo de lixo, realizando faxina no quintal e vedando os recipientes que possam armazenar água”, salienta Karla Cartaxo, coordenadora da Unidade de Endemias.

Segundo Karla, em Mossoró, até a manhã desta quarta-feira, foram contabilizados dois casos suspeitos de dengue. Já 2015 terminou com a confirmação de 1.222 casos da doença. “É importante que o Ministério da Saúde atue para assegurar verba para o município de Mossoró. Precisamos de respaldo para intensificar o combate ao mosquito”, conclui a coordenadora.

Denúncias acerca de possíveis locais de proliferação do mosquito podem ser realizadas por meio do telefone 3315-4833.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *