Presidente do Sindserpum acusa Rosalba de criar “armadilha” para servidores

A guerra está declarada: a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (SINDSERPUM) Marleide Cunha postou no site do Sindserpum um artigo em que classifica como “cavalo de Tróia” o Projeto de Lei Complementar 138/2019 que estabelece reajuste de 3,75% para todas as categorias.

Sem diálogo, nem abertura para um acordo com a representação dos servidores a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) quis atrair para si os holofotes e reforçar o discurso de que ela valoriza os servidores. Além de despertar a ira da presidente do Sindserpum. “A gestão Rosalba Ciarlini é a mais perversa da história para os servidores municipais. Ela provoca um empobrecimento da categoria sem precedentes. Desde que assumiu, em janeiro de 2017, a prefeita deixou a inflação corroer os salários dos servidores, sem dó e piedade”, disparou.

A sindicalista argumenta que ao propor 3,75% para todas as categorias a prefeita ignora as perdas salarias de 10,30% acumuladas em 2017 e 2018.

Outra confusão é com relação ao piso nacional da categoria. Segundo os órgãos oficiais a Prefeitura de Mossoró paga acima do previsto. Marleide discorda e aponta defasagem de 0,42% em relação ao estabelecido em nível nacional: “Em 2019, o MEC fixou o reajuste em 4,17%, porém Rosalba Ciarlini quer impor 3,75% com o argumento que os professores de Mossoró já recebem o Piso Nacional. Será que a prefeita Rosalba Ciarlini não sabe que o Piso Nacional é fixado para o nível médio e que é a Lei do Plano de Carreira, com sua tabela, que define as diferenças salariais? Ou será que a prefeita entende que ser professor é ser condenado a um salário miserável, sempre rastejando no piso, independente de ter especialização, mestrado, doutorado?”, questionou.

Outro ponto de questionamento é a perda de 10h na carga horária dos agentes de saúde e agentes de endemias. “Ao fazer isso, a prefeita Rosalba Ciarlini está provocando um grande retrocesso na remuneração dos ACS/ACE. Ela some com a conquista de 10h a frente do valor do Piso Nacional e promove uma desvalorização sem precedentes na carreira desses servidores públicos”, disparou.

Cavalo de Tróia: expressão usada em referência ao famoso “presente de grego”. Consta na epopeia ilíada escrita pelo escritor grego Homero que durante o confronto entre gregos e troianos. Após vários anos de certo à cidade de Tróia, os gregos decidiram construir um imenso cavalo de madeira que foi deixado em frente ao portão da cidade. Dentro dele o herói grego Ulisses. Achando que os troianos desistiram da guerra e entenderam o objeto como um presente em nome da paz. À noite enquanto os troianos dormiam Ulisses e os guerreiros saíram do cavalo e abriram os portões dominando Tróia. Tudo que aparentemente é bom e na verdade é uma armadilha é associado ao Cavalo de Tróia.

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “Presidente do Sindserpum acusa Rosalba de criar “armadilha” para servidores

  • 7 de março de 2019 em 21:21
    Permalink

    Armardillharlha, é mesmo? Ou está agindo dentro do llimete. Né não? Vamos ver, Ou a
    governadora faz as reformas, ou seremos um ESTADO Venezuela(bolivariano). Né não? (Não quero de forma alguma defender ninguém). Mas, cabe ao gestor ser minimamente responsável. Ou eu estou mentindo?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *