Presidente do Sindserpum critica proposta de Rosalba e greve começa a ser discutida

A proposta de pagamento dos salários de dezembro feita pela Prefeitura de Mossoró não agradou o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINDSERPUM). “A proposta é muito ruim para todos”, disse a presidente Marleide Cunha.

A tendência é que tenha uma greve na educação que pode se converter numa greve unificada. O assunto vai ser discutido no dia 13 de março. “Os prazos estão muito elásticos e a categoria começa a perder a paciência”, frisou.

O prazo para nova audiência com a prefeita em 3 de maio não foi bem aceita. “Esse prazo está muito distante e nesse dia ainda vão dizer quando ainda vão pagar. Corre o risco dela estender para junho, julho…”, especulou.

Por conta dos valores dos salários, a proposta exclui a maioria dos servidores da saúde (os de nível superior) e professores.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *