PT comandará três secretarias executivas

O presidente do diretório municipal do PT, Nelson Gregório, em entrevista ao Meio-Dia Mossoró da 95 FM afirmou que o PT será contemplado com três secretarias executivas. “O PT foi contemplado com a secretaria de mobilidade urbana que será ocupada por Alfredo Fernandes, Viviana Mesquita vai assumir a cultura e José Barbosa vai assumir a gestão de pessoas”, explicou.

Ele disse ainda que o PT tem sido bem tratado pelo prefeito Francisco José Junior (PSD). “Diferente do grupo que tem feito uma oposição ao PT e à gestão, nós temos discutido. A nossa relação com o prefeito é sem problemas”, frisou.

Sobre o comando do PT, Nelson Gregório reconheceu que vem comandando o partido de maneira informal, mas que a situação será regularizada no próximo dia 13.  “Há uma formalidade documental do partido que vai votar o nome do presidente do partido agora no dia 13. Na formalidade Gilberto é o presidente, mas na política sou eu. No dia 13 iremos ser oficializados”, disse o petista que garantiu ter o apoio de todos os grupos do PT, menos o de Luiz Carlos.

Ele criticou o vice-prefeito que na ótica do presidente do PT deveria ser o elo entre o partido e o Palácio da Resitência. “Nós temos um embate muito grande com Luiz Carlos no ponto de vista da concepção. Nada impede a gente de discordar, mas deveria ser internamente”, declarou

Mesmo falando que Luiz Carlos está distanciado do partido, Nelson descartou que ele deixe a legenda. “Dificilmente Luiz Carlos deixariam o PT porque ele é petista por convicção. Ele está equivocado na posição”, disse.

AVANTE

O presidente do PT desmentiu a informação de que a tendência “avante” tenha deixado a base de Francisco José Junior. “O avante não saiu, mas abriu dos cargos”, explicou.

Nelson afirmou que a tendência emitiu um comunicado explicando o posicionamento na executiva do PT. O documento assinado por Ana Morais foi enviado ao Blog do Barreto: “Presidente, muito bom dia! Acho importante, se por acaso houver alguma exploração política, pelo fato de não ficarmos na gestão explicar para o prefeito que estamos na aliança e na defesa da gestão. Não indicamos ninguém para os cargos por que não temos uma pessoa com o perfil e o espaço disponibilizado não possibilita um trabalho político interessante. Mas assumimos nosso compromisso coletivo com a gestão, assim como o grupo de Gilberto”.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *