PTB é uma sina na vida de Carlos Augusto e Rosalba

Esse negócio de Rosalba Ciarlini e Carlos Augusto no PTB é sina que dura há mais de 30 anos. Tudo começou em 1981, quando Carlos quis assumir o partido, mas perdeu a parada para o então deputado federal Carlos Alberto.

Depois, já nos anos 2000, conseguiu mandar no PTB via o então secretário de cultura Gonzaga Chimbinho, mas perdeu o controle quando rompeu com o à época senador Fernando Bezerra.

Chegou perto de pegar o partido em 2011, mas não deu. Depois botou o secretário de segurança pra Aldair da Rocha”pastorar” o PTB em 2013, mas perdeu mais uma vez o comando indireto da legenda em 2014 quando o ex-auxiliar decidiu acompanhar o projeto político dos algozes da “Rosa”.

A última tentativa foi em 2015 quando o controle do partido chegou a ser dado como certo, mas a ex-governadora teve que ir para o PP porque perdeu a disputa para um assessor do deputado federal Walter Alves (PMDB).

Em tempos de especulação de mudança partidária o partido não pode ser descartado, mas definitivamente o PTB não traz boas lembranças ao Rosalbismo.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *