Quase metade dos deputados estaduais vão mudar de partido

Dos 24 deputados estaduais pelo menos nove vão mudar de partido quando for aberta a janela partidária que se encerra em 2 de abril.

A lista é puxada pelo presidente Ezequiel Ferreira de Souza que está de malas prontas para deixar o PMDB. Como reza a tradição do nosso parlamento estadual deve assumir o comando de uma legenda e acomodar alguns deputados por lá.

O PROS que tem cinco deputados estaduais perderá todos. Ricardo Motta vai para o PSB, Vivaldo Costa e Gustavo Carvalho vão para o PSD, enquanto que Albert Dickson e Raimundo Fernandes ainda não sabem para onde ir.

Se o PSD ganhará dois deputados no troca-troca, perderá José Dias que vai para o PSDB.

A deputada estadual Márcia Maia já saiu do PSB. O destino mais provável é o PR, mas o PT do B corre por fora.

O PMDB perderá Hermano Morais que afivelou as malas rumo ao Solidariedade.

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “Quase metade dos deputados estaduais vão mudar de partido

  • 10 de fevereiro de 2016 em 16:21
    Permalink

    talvez seja porque eles estejam preocupados com o povo ,com o zica virus ,com a segurança ,com a saude ,com a educação ,com o hospital tarcisiso maia ,com a inflação ,com o desemprego quem sabe na campanha eles resolvam esses problemas aguardemos.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *