Reportagem mostra como deputado potiguar usa grupos de WhatsApp para promover “tratamento precoce”

Albert Dickson acumula denúncias sobre desinformação na pandemia (Foto: reprodução)

Reportagem da Agência A Pública apontou que o deputado estadual Albert Dickson (PROS) utiliza grupos de WhatsApp para promover o “tratamento precoce” contra a covid-19 como panaceia contra a doença.

A investigação mostrou que ele administra cinco grupos:

“Ivermectina é Vida”, “Ivermectina Salva”, “Trat Precoce VS RS” e dois com o mesmo nome: “Covid/Tratamento Precoce”.

Os grupos somam 850 membros.

A reportagem foi repercutida pelo Portal UOL.

Recentemente Albert Dickson teve 12 vídeos removidos do Youtube por propagar informações falsas sobre medicamentos sem eficácia comprovada contra a covid-19.

Ele também foi denunciado pela BBC Brasil por oferecer consultas em troca de likes e inscrições no canal do Youtube que mantém com a deputada federal Karla Dicksn (PROS), sua esposa e também médica.

Em outra matéria, do Estado de S. Paulo, ele foi denunciado por mentir dizendo que a covid-19 ataca o fígado.

Leia a reportagem da Agência e Pública e as demais que citamos acima:

https://apublica.org/2021/05/deputado-do-rn-administra-grupos-de-whatsapp-que-promovem-falso-tratamento-precoce-contra-covid-19/

https://politica.estadao.com.br/blogs/estadao-verifica/politico-do-rn-faz-conexao-insustentavel-entre-novas-cepas-e-hepatite-para-defender-tratamento-precoce/

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-56905972

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *