Robinson Faria é vaiado no jogo do Brasil

hqdefault

O governador Robinson Faria (PSD) sentiu na pele, ou melhor, nos tímpanos o nível de insatisfação dos potiguares com a gestão dele. Ao ter o nome anunciado pelo locutor da Arena das Dunas, o chefe do executivo ouviu uma sonora vaia das bocas dos mais de 30 mil torcedores presentes ao jogo de ontem.

O governador está fechado em copas. Tem ignorado o interior e desprezado Mossoró numa intensidade jamais vista em outras gestões.  Tanto que o governador foge da segunda maior cidade do Estado como o diabo da cruz.

Em Natal, ele sequer teve condições de lançar um candidato a prefeito. Apoiou Márcia Maia (PSDB) “por debaixo dos panos” e mesmo assim ela teve uma votação constrangedoramente pífia.

Os salários dos servidores estão atrasando cada vez mais e o cenário da gestão dele é deprimente cumprindo o aviso dado na campanha de Henrique Alves: “Robinson Faria é mais quatro anos de Rosalba ou coisa pior”. Está sendo pior. Só o governador não reconhece.

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “Robinson Faria é vaiado no jogo do Brasil

  • 7 de outubro de 2016 em 21:30
    Permalink

    Se ele estivesse saneando a economia do Estado, vai lá, mas tudo isso está sendo feito apenas na capital e não é com recursos do próprio Estado e sim com recursos federal. Todos os Estados brasileiros estão passando pela mesma crise e pelo que sei, a arrecadação do ICMS do Rio Grande do Norte não teve queda, muito pelo contrário, tem se elevado nesse período do desgoverno do Robinsonso.

    Ele, realmente, é um aprendiz de Rosalba e pelo visto, deve ter tirado nota dez no aprendizado, pois está conseguindo superar a sua grande mestra no quesito “transformar o Estado em terra arrasada”, pois está superando em muito a ex-governadora. Não sei como estaria o RN nas mãos do Henrique Alves, mas brincar de futurologia ou de previsões de catástrofes não é bem o meu forte pois não sei se seria pior, um forte terremoto ou se um furacão tivesse feito menos estrago, mas sinto muito a falta de uma auditoria nas contas do Arena das Dunas, uma obra hiper super faturada que está sendo paga sem nenhum questionamento.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *