Sinte, OAB e Igreja Católica se unem em Mossoró contra reforma da previdência

IMG_9260 IMG_9261

A direção do SINTE deu início nesta terça-feira, 21, uma série de visitas à instituições da sociedade civil de Mossoró com o objetivo de fortalecer o movimento contra a aprovação da reforma da previdência do governo golpista de Michel Temer (PMDB).

Na última assembleia da categoria foi definida uma extensa agenda de lutas e a criação de um comando de greve.

Hoje, a direção do Sindicato esteve reunida com o presidente da OAB seccional Mossoró Drº Canindé Maia e com o Vigário Geral da Diocese de Mossoró, Padre Flávio Augusto. Nas duas ocasiões, as instituições trataram da proposta de criação de uma frente cidadã e contra a reforma da previdência.

OAB e Diocese ficaram responsáveis de articular outras instituições para instalação do Fórum que terá o papel de esclarecer para a sociedade sobre os efeitos nocivos advindos com uma eventual aprovação da reforma da previdência.

A Igreja Católica por meio da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil e a OAB seccional nacional já se posicionaram contrárias à reforma.

Amanhã, quarta-feira, 22, o comando de greve liderado pela SINTE Regional Mossoró se reúne com representantes do segmento evangélico da cidade com o intuito de ampliar os apoios contra a reforma.

“Nós estamos cumprindo nosso dever de mobilizar a classe trabalhadora e articular outros setores da sociedade contra as políticas nefastas do governo Temer. Sem dúvida que as igrejas e a OAB têm uma grande força social e ter uma posição favorável ao movimento destas instituições fortalece nossa pauta e amplia as chances de barrar o fim da aposentadoria que está no congresso”. Fala o coordenador geral do SINTE RN, professor Rômulo Arnaud.

Texto e foto: Sinte/Mossoró

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *