Consumo de energia no RN cresce em 2018

Consumo de energia cresce no RN (Foto: Cosern/Divulgação)

A Cosern, empresa do Grupo Neoenergia, consolidou na última 6ª feira (11) os números referentes ao consumo de energia elétrica no Rio Grande do Norte no ano de 2018 (veja tabela abaixo).

No geral, o consumo cresceu 1,3% quando comparado com o ano de 2017, ficando 0,6 pontos percentuais acima do registrado no comparativo entre 2017 e 2016 (0,7%). Houve um crescimento do consumo, mas ainda abaixo do crescimento médio anual registrado na última década no estado (3,5%), reflexo da crise econômica que ainda afeta todo o país.

O leve aumento na demanda de energia do consumidor potiguar advém principalmente da classe residencial (alta de 2,0% no ano), impulsionado principalmente pelo incremento de novas unidades consumidoras. Ao longo de 2018, a Cosern executou 30.096 novas ligações em todo estado e terminou o ano somando 1.449.759 clientes.

A classe de maior impacto negativo no consumo foi a industrial (queda de 0,7%), sendo o setor de extração de petróleo e gás natural o maior responsável pela redução no consumo da classe.

A classe comercial registrou alta de 1,7% no ano, puxado pelo comércio varejista e hotelaria.

De acordo com dados do IBGE, até novembro do ano passado a variação do volume de vendas no comércio varejista do estado foi de 7,9%, contrastando com a variação no volume de serviços do RN (queda de 7,3%) se comparado com o acumulado até novembro de 2017.

O setor agropecuário e a aquicultura impulsionaram a classe rural que registrou um consumo 1,6% maior do que o registrado em 2017.

De forma geral, os dados consolidados na última 6ª feira são vistos com otimismo pelo setor de Mercado da Cosern, já que o crescimento do consumo de energia no Rio Grande do Norte em 2018 esteve alinhado com o crescimento nacional e do subsistema Nordeste.

Dados divulgados pela Empresa de Pesquisa Energética mostram que até novembro de 2018 o consumo de energia elétrica no Brasil tinha crescido 1,1% quando comparado com mesmo período do ano anterior, tendo o subsistema Nordeste um crescimento de 1,5% de acordo com dados acumulados até aquele mês.

O Banco Central do Brasil estima que o Produto Interno Bruto (PIB) do país tenha crescido 1,3% em 2018, com a perspectiva de crescimento de 2,5% para 2019 e um cenário inflacionário dentro da meta – fatores que corroboraram para a melhoria das projeções de demanda de energia elétrica no Brasil e no Rio Grande do Norte em 2019.

Compartilhe:

Oratório de Santa Luzia 2018 estreia hoje no adro da Catedral

O espetáculo teatral Oratório de Santa Luzia estreia nesta terça-feira, dia 04, após a novena, e completa 18 anos repleto de novidades. A história da Virgem de Siracusa encenada pelos artistas mossoroenses no adro da Catedral de Santa Luzia relembra a vida e os martírios vividos pela Santa padroeira de Mossoró. Num ato de devoção e fé, o Oratório de Santa Luzia 2018 tem a honra de trazer para os devotos fiéis e toda a comunidade cristã um espetáculo que retrata o amor de uma jovem por Cristo. Seguindo o exemplo do próprio Cristo que morreu crucificado e deu a vida por amor ao mundo.

A direção geral deste ano é de Marcos Leonardo, que assina também os figurinos trazendo simplicidade e uma coerência de encanto e leveza, deixando transparecer a riqueza das “vestes da alma” e o colorido do brilho do olhar de cada ator/atriz, bailarino (a) e todos os personagens. Na assistência de direção e coreografia Roberta Schumara, que com maestria e altivez consegue transmitir nos movimentos corporais, através da dança, as mensagens subliminares da vida de Luzia. Procurando, segundo Roberta, tocar o interior de cada fiel. “ Uma evidência de que o corpo fala e o nosso coração sente o que a arte nos ensina, viver. A dança contemporânea não é apenas técnica e diferenciações. Precisamos tocar o outro para que ele sinta e entenda. É sentimento. É amor pelo que se faz”, ressalta.

Neste ano, o Oratório fez um casamento perfeito entre a Paróquia de Santa Luzia e o Colégio Diocesano, evidenciando uma parceria de fé, organização e muita dedicação. Contemplando o Grupo Diocecena como base para o elenco e uma brilhante participação de grandes atores mossoroenses para que possam beber da mesma fonte de viver que é a própria arte.

Para viver Luzia, personagem principal, a atriz e bailarina Sofia Maria, que com muita dedicação, discernimento e fé ao lado de atrizes e atores convidados: Joriana Pontes, Leonardo Wagner, Carlos José, Gledson Lopes, Neuma Almeida e muitos outros que irão contar toda a história da Santa da Visão.

O texto com palavras fervorosas e cheias de simplicidade e cristianismo é de autoria de Erismar Cunha, que através das frases e contextualizações exalta inúmeras passagens bíblicas transpondo e reconhecendo que os maiores ensinamentos estão nas Palavras de Deus. Não tem como não se apaixonar pela história de Luzia, que nasceu em um período carregado de perseguição. Naquele tempo, ser cristão era um ato de heroísmo.  O Oratório mostrará a devoção de Luzia com cores, movimentos, ritmo e fé.

O Oratório é financiado com recursos da Lei Câmara Cascudo, patrocinado pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Fundação José Augusto, Cosern e Café Santa clara, e conta também com o apoio da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Serviço

Peça: Oratório de Santa Luzia:

Período: 4 a 12 de dezembro

Horário: após a novena das 19h30

Local: Adro da Catedral de Santa Luzia

Compartilhe:

SENAI e COSERN assinam parceria para eficiência energética

Senai e Cosern em parceria

O SENAI e a COSERN oficializaram uma parceria, nesta terça-feira, 25, por intermédio da qual vai ser lançado o “Desafio Nova Energia”, que deve selecionar startups para o desenvolvimento de projetos com soluções voltadas à redução do consumo energético e novas tecnologias educacionais com foco na eficiência.

O termo de cooperação foi assinado na Casa da Indústria, em solenidade com a participação do diretor de Inovação do Sistema FIERN, Djalma Barbosa da Cunha Júnior; do diretor presidente da COSERN, Luiz Antônio Ciarlini; do diretor regional do SENAI, Emerson da Cunha Batista; do gerente de tecnologia e Inovação do Cimatec/SENAI da Bahia, Flávio Marinho; do diretor de Eficiência Energética da Neonergia, Daniel Sarmento de Freitas; do diretor regional do SESI-RN, Juliano Martins; e do diretor de Operações do Sebrae, José Eduardo Ribeiro Viana. “Essa cooperação, efetivada a partir do Edital de Inovação da Indústria, é importante para as grandes empresas, que atuam como âncoras, e para empreendedores de startups, que vão ter a chance de desenvolver soluções de acordo com as necessidades apresentadas. As startups vão desenvolver alternativas integradas aos propósitos básicos da COSERN e isso deve dar excelentes resultados, porque vai incentivar que novas entidades e grandes empresas interessadas se integram a esses projetos”, afirmou Djalma Barbosa.

Para o presidente da COSERN, essa pareceria vai garantir avanços no programa de eficiência enérgica, com projetos desenvolvidos por startups. “Abre-se um caminho importante para o setor elétrico, para o grupo Neonergia e, especificamente, para a COSERN, que, tradicionalmente, já tem trabalhos realizados na área de eficiência energética”, afirmou Luiz Ciarlini. “Os editais de inovação do Sistema S, do SENAI, e os serviços da Federação [da Indústria] abrem um leque amplo de opções para inovação. Nesta cooperação firmada hoje, se trata de uma área reconhecidamente importante, uma vez que a COSERN investe R$ 7 milhões por ano para eficiência energética e acreditamos muito que serão encontradas novas, boas e inovadoras soluções”, acrescentou.

Gerente de Inovação do SENAI-BA e do Centro Universitário CIMATEC, onde o projeto com as empresas do grupo Neonergia iniciou, Flávio Marinho está confiante que o programa terá repercussões positivas para a indústria do Rio Grande do Norte. “Esse Estado tem um desenvolvimento importante em energias, principalmente nas renováveis, o que tem sido capitaneado também pelo SENAI. Esperamos, portanto, que a comunidade se mobilize e apresente projetos relevantes e isso vai assegurar um retorno para a COSERN, para o Sistema FIERN e para a economia local”, comentou.

A iniciativa de firmar a parceria faz parte a partir do Edital de Inovação para a Indústria e recebe suporte do Programa de Eficiência Energética, e das demais distribuidoras do Grupo Neoenergia, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

 

 

Compartilhe:

Leitor faz apelo à Cosern por fim das quedas de energia

Bom Noite Bruno Barreto.

Quero aqui fazer um apelo sobre a COSERN, pois aqui no meu bairro no Alto do Sumaré, conjunto Monte Olimpio, onde semana passada fomos notícia na mídia Estadual em relação a enchente.

Pois desta feita a COSERN vem nos prejudicado com as quedas e Falta de Energia constantemente. A última ocorreu as 19:30 da noite deste último Domingo 05/03/2017 e só retornando as 02:35 da madrugada de 06/03/2017 de Segunda feira.

Essas quedas de Eletricidade no nosso conjunto é normal toda semana acontece isso, a diferença é que as vezes volta rápido e em outras só retorna praticamente no outro dia, quando a queda de Energia é durante a noite. Na noite dessa segunda 06/03 as 18:25 mais uma falta de energia.

Pagamos caro todos os tributos, para termos um serviço de péssima qualidade. Semana passada na mídia Nacional foi divulgada quer no Brasil em 2016 sobrou Energia, e agente aqui falta constantemente.

Obrigado pela Atenção. Wagner Sanches!!!

Compartilhe: