Candidato a desembargador intensifica agenda em Mossoró

Candidato ao cargo de Desembargador do Tribunal Regional do Trtabalho – 21º, pela vaga destinada a OAB pelo Quinto Constitucional, o advogado trabalhista Gladstone Heronildes, segue intensamente realizando campanha em sua terra natal, Mossoró. O jurista permanece na cidade até amanhã.

Em mais de 40 escritórios, até o momento, o advogado apresentou os principais compromissos da sua campanha para cerca de 150 advogados.

Heronildes também ouviu atentamente os pleitos dos colegas que, assim como ele, militam na Justiça do Trabalho.

“É um prazer enorme estar em minha cidade, revendo amigos e visitando colegas da classe para levar os motivos que me incentivaram a concorrer ao cargo de Desembargador. É mais que uma vontade, é um oficio que me proponho a desenvolver na corte da segunda instância do TRT. Conhecendo todas essas demandas e dando vez e voz ao advogado trabalhista sei que vou cumprir à risca a finalidade da vaga do Quinto Constitucional, que é ter um advogado-juiz para defender as prerrogativas da classe”.

Nessas ocasiões, Gladstone reafirma a necessidade do TRT – 21° ter um desembargador com um perfil que reúna: experiência com comprovada prestação de serviço, capacidade técnica, acessibilidade, maturidade e coragem.

Gladstone Heronildes é mossoroense, graduado pela Universidade Estadual do Rio Grande do Norte – UERN, casado e pai de dois filhos. Já são 17 anos dedicados primordialmente à Justiça do Trabalho e possui ainda, serviços prestados à advocacia potiguar, tendo sido ouvidor-geral e conselheiro estadual da OAB-RN. Nesta campanha, o candidato tem o número 58.

Confira abaixo, os compromissos de Gladstone como desembargador:

  1. Ser um representante da classe advocatícia no âmbito do TRT para honrar a advocacia com a atenção e disponibilidade necessárias para o bom andamento dos processos;

 

  1. Empregar a minha conduta ética e moral nas atribuições atinentes ao cargo de magistrado, mantendo-me imparcial e justo nas decisões e julgamentos;

 

  1. Trabalhar por políticas de humanização dos atendimentos no Tribunal, celeridade dos processos e interiorização da atuação da Justiça do Trabalho no RN;

 

  1. Incentivar as práticas que privilegiem a conciliação das partes, bem como criar um canal de comunicação mais aberto com a OAB, Ministério Público do Trabalho e a sociedade civil;

 

  1. Utilizar dos meus conhecimentos técnicos e da minha experiência prática obtida em quase 20 anos de militância na Justiça do Trabalho, para promover vereditos mais reparadores nos conflitos trabalhistas;

 

  1. Exercer a função de magistrado, mas atuar como representante da advocacia buscando incansavelmente a garantia do respeito às prerrogativas dos advogados para que seja assegurada a sua ampla e irrestrita atuação profissional na prestação de seus serviços ao jurisdicionado nas audiências;

 

  1. Aperfeiçoar o sistema de triagem das reclamações trabalhistas a fim de separar melhoras mais simples das mais complexas, e dessa forma, permitir a melhor instrução dos processos em audiência.
Compartilhe:

Candidato a desembargador cumpre agenda em Mossoró

Advogado Melissa Gurgel, procuradora-geral Karina Ferreira de Souza e o candidato Eduardo Gurgel (Foto: Assessoria)

O advogado Eduardo Gurgel direciona o foco de campanha para Mossoró esta semana. Nesta segunda-feira, 10, e na terça-feira, 11, ele participará de uma série encontros com advogados visando apoio para a disputa da vaga de desembargador no Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-21). A agenda também inclui entrevistas à imprensa de Mossoró.

Como chegou à cidade sábado, 8, Eduardo Gurgel participou do Pingo do Meio-dia – evento que marca o início das festividades juninas no município. Lá, acompanhado de sua esposa Melissa Gurgel, ele teve a oportunidade de revê amigos, como a procuradora-geral do município, Karina Ferreira de Souza.

A disputa pelo Quinto Constitucional tem 22 candidatos. Os seis mais votados na eleição direta que será realizada em 12 de julho serão analisados pelos desembargadores do TRT-21, que escolherão – por votação – três nomes. Esta lista tríplice será enviada ao presidente Jair Bolsonaro, que escolherá o novo desembargador oriundo do Quinto Constitucional, cuja vaga – neste caso – é destinada aos advogados.

Eduardo Gurgel, advogado com mais de 18 anos de atuação profissional, em especial nas áreas trabalhista, civil, imobiliária, empresarial e societária, é também sócio-fundador do escritório Eduardo Gurgel e Advogados Associados. Formado em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e tendo atuado como docente da Universidade Potiguar, ele possui intensa atuação na advocacia trabalhista e presta serviços de assessoria jurídica contratual, consultiva e contenciosa. O candidato Eduardo Gurgel tem o número 53 para esta campanha.

 

Compartilhe:

Candidato a desembargador do TRT cumpre agenda em Mossoró

O advogado Edvaldo Leite, concorrente à vaga de desembargador no Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte pelo Quinto Constitucional está cumprindo agenda em Mossoró desde ontem.

Ele está visitas aos colegas advogados da capital do Oeste.

Edvaldo Leite aposta na experiência de três décadas de dedicação praticamente exclusiva à área trabalhista. Só em processos julgados e catalogados no TRT-RN, são exatos 11.162. Número expressivo que por si só já comprovam a atuação de destaque em uma carreira sem mácula.

“Estou ali há 30 anos e vi muitos mestres passarem. Entrei um menino, fiquei rapaz e agora sou um senhor. Todos os advogados que hoje militam na justiça do trabalho quando chegaram lá me viram e se perguntaram como iriam atuar, da mesma forma que um dia me perguntei quando vi, por exemplo, doutor Maurílio Bessa. Eu dizia que faria igual a ele e agora vejo os jovens dizerem que fazem igual a mim. A cara da Justiça do Trabalho hoje é a cara de Edvaldo Leite”, destaca o candidato.

Compartilhe:

Advogado Edvaldo Leite é candidato a desembargador do TRT

“Eu sinceramente não sei se devo demais à Justiça do Trabalho ou se contribuí demais para ela. Nesses trinta anos já formei e criei meus filhos, montei meu patrimônio, comprei meu escritório. Tudo em cima dos processos trabalhistas. Sou tão ligado com o TRT que todo dia ao sair de lá eu já digo até amanhã”. É com essa afirmação que o advogado Edvaldo Leite se apresenta como concorrente à vaga de desembargador no Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte pelo quinto constitucional.

São três décadas de dedicação praticamente exclusiva à área trabalhista. Só em processos julgados e catalogados no TRT-RN, são exatos 11.162. Número expressivo que por si só já comprovam a atuação de destaque em uma carreira sem mácula.

“Estou ali há 30 anos e vi muitos mestres passarem. Entrei um menino, fiquei rapaz e agora sou um senhor. Todos os advogados que hoje militam na justiça do trabalho quando chegaram lá me viram e se perguntaram como iriam atuar, da mesma forma que um dia me perguntei quando vi, por exemplo, doutor Maurílio Bessa. Eu dizia que faria igual a ele e agora vejo os jovens dizerem que fazem igual a mim. A cara da Justiça do Trabalho hoje é a cara de Edvaldo Leite”, destaca.

Biografia

Edvaldo Sebastião Bandeira Leite tem 59 anos e é natural de Extremoz-RN. Na infância e juventude integrou o Escotismo como Lobinho e Escoteiro. Aos 13 anos começou a trabalhar no Sindicato dos Empregados do Comércio de Natal e aos 17 anos passou para Fuzileiro Naval da Marinha, quando teve que mudar-se para o Rio de Janeiro. Lá se formou em Pedagogia em 1984 pela Sociedade Unificada de Ensino Superior Augusto Motta (SUAM). Em seguida cursou direito na Faculdade Brasileira de Ciências Jurídicas, onde se formou em 1989. No mesmo ano voltou para Natal e já iniciou sua militância na justiça do trabalho onde ao longo desses 30 anos tem 11.162 processos julgados, contabilizando apenas os que foram catalogados nos arquivos do judiciário. Tem Pós-graduação em direito do trabalho e previdenciário pela Faculdade Estácio de Sá. É também maçom, alçado recentemente ao grau 22, Príncipe do Líbano. É casado e pai de seis filhos, sendo quatro filhas e dois filhos.

 

Compartilhe: