Robinson repete Micarla e Francisco José Junior e subestima senso crítico dos evangélicos para superar desgaste

religiao-e-politica

O governador Robinson Faria (PSD) se empolgou num discurso em Caraúbas e o transformou num “culto evangélico” indicando que vai se aproximar desse segmento religioso para reverter a impopularidade que inviabiliza o sonho da reeleição.

No passado, Micarla de Sousa fez isso chegando a se converter ao protestantismo em 2011. Após deixar o Palácio Felipe Camarão ela estreou um programa evangélico numa rádio da capital.

No auge do desgaste, o então prefeito Francisco José Junior tentou se aproximar dos evangélicos, participando de uma série de eventos. O vice dele na tentativa infrutífera de se reeleger em 2016 era desse segmento religioso, o advogado Micael Melo.

Dos “cases” de impopularidade do Estado, apenas Rosalba Ciarlini teve o bom senso de não misturar política e religião de forma oportunista.

Abaixo o vídeo para quem não teve a oportunidade de assistir:

Compartilhe:

Rosalba se reúne com evangélicos

Rosalba_evangelicos

A candidata Rosalba Ciarlini (PP) reuniu-se nesta quarta (31) com representantes do segmento evangélico. O encontro ocorreu no Sítio Cantópolis e contou ainda com a presença de vereadores da coligação Força do Povo.

Participaram da reunião cerca de 10 congregações religiosas de vários bairros de Mossoró. Os pastores evangélicos ouviram propostas da candidata e sugeriram melhorias para a cidade em áreas como infraestrutura, saúde e educação.

O encontro com mais de 30 pastores integrou a agenda da candidata Rosalba Ciarlini. A ideia da progressista é dialogar com todos os segmentos da sociedade, ouvindo as carências que o município enfrenta em muitos setores.

Compartilhe: