Mais três institutos registram pesquisas no RN

Mais três institutos registraram pesquisas para Governo e Senado no Rio Grande do Norte. O primeiro deles é local e já vem realizando estudos eleitorais com regularidade no Estado. O outro é desconhecido e sediado na cidade de Uberlândia (MG). O terceiro é de Pernambuco e já realizou trabalhos em terras potiguares.

O Instituto Seta iniciou a coleta de dados hoje e prossegue nas ruas até o dia 1º de outubro. Ao todo 1.700 entrevistados falarão suas posições para Governo e Senado. A margem de erro é de 2,4% e o contratante é o Blog do BG. O registro na Justiça Eleitoral é o de número RN-03095/2018.

O Instituto Opinião vai as ruas entre os dias 30 de setembro e 3 de outubro ouvindo 1.200 eleitores sobre as eleições para Governador, Senador, Deputado Federal e Deputado Estadual com margem de erro de 2,9 pontos percentuais para mais ou para menos. A contratante é a Band Natal. O número do registro é RN-02315/2018.

Já o Instituto Verita não tem tradição no Rio Grande do Norte. Em 2016, divulgou uma pesquisa para a Prefeitura de Natal. Este ano, será realizada uma sondagem para Governo e Senado entre os dias 2 e 5 de outubro. Serão ouvidas 2.020 pessoas com margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada com o número    RN-07332/2018. Curiosamente é o próprio instituto mineiro o contratante da pesquisa.

Nota do Blog: o que levaria um instituto de Minas Gerais a realizar uma pesquisa no Rio Grande do Norte no valor de R$ 78.780,00 por conta própria? Muito esquisito isso.

Compartilhe:

Instituto de Recife registra pesquisa eleitoral no RN

Mais um instituto de pesquisa desembarca no Rio Grande do Norte para medir os ânimos eleitorais no Estado. O Instituto Opinião já fez registro no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para divulgar números eleitorais.

O Instituto Opinião registrou pesquisa contratada pela Band Natal para ser divulgada no dia 18 de setembro com números sobre as eleições para Governador, Senador, Deputado Federal e Deputado Estadual.

Serão entrevistadas 1.200 pessoas entre os dias 12 e 15 de setembro.

O registro da pesquisa é de número RN-06515/2018.

Compartilhe: