Isolda articula plano de ação para segurança na Maisa

Isolda levação PM à Maisa (Foto: Eduardo Maia)

Na madrugada desta sexta feira, 14 de fevereiro de 2020, ocorreu um grande arrastão no Assentamento Montana Zona Rural de Mossoró, na região da Maísa. Tem sido constante os arrastões e arrombamentos em casas em Mossoró, especialmente na zona rural.

Diante desta situação, a deputada estadual Isolda Dantas se reuniu com o comandante Humberto Pimenta, do 2 Batalhão da Polícia Militar, e solicitou reforço de segurança. No domingo, 16, às 8h, a deputada realizará Audiência Pública na Igreja Matriz da comunidade para, junto com a polícia e a população, discutir um plano de ação para enfrentar a insegurança que assola o assentamento.

“A questão da segurança é fundamental para o povo. Nesta ação buscamos agilidade para garantir uma ação eficaz em busca de paz para a Maísa, mas também para Mossoró e todo o RN”, diz a deputada.

Informações Assessoria da Comunicação de Isolda.

Compartilhe:

Projeto para coibir violência nas escolas é discutido em Mossoró

Reunião recebeu informações para pautar projeto (Foto: cedida)

A equipe parlamentar e jurídica da deputada Isolda Dantas esteve reunida nesta segunda-feira (10), em Mossoró, junto ao Grupo Mulheres em Ação e a organização internacional Visão Mundial e realizou uma conversa com a Promotoria de Infância; Ministério Público; Delegacia da Mulher (DEAM); COMDICA; Casep; Conselheiros Tutelares, Juizado da Infância, representantes da UERN, movimentos sociais, sindicais e estudantil para pensar estratégias de prevenção e enfrentamento às violências dentro das escolas do estado.

De acordo com dados do Ministério dos Direitos Humanos com base no balanço anual, em 2018, o Rio Grande do Norte registrou 420 denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes. Esse número cresceu em relação a 2017, quando o estado acumulou 363 denúncias.

Para a deputada, a escola é o local para o processo de educação necessário para a prevenção e combate aos diversos tipos de violência porque trabalha com o conhecimento, valores atitudes e formação de hábitos. Ao mesmo tempo, pode ser local de violação de direitos ou de identificação de abuso cometidas em outros espaços.  “Um momento muito rico de troca de informações e reflexões importantes para a proteção das nossas crianças e adolescentes em que construímos o projeto de lei e encaminhamos uma agenda de atividades para fortalecer este debate tão importante”, comentou Isolda.

A ideia do mandato estadual, é criar o PL com comissões e aproximar escolas, comunidade e rede de proteção na intenção de prevenir e encaminhar os casos identificados de violências: desenvolvendo planos de prevenção estadual, identificando, notificando e monitorando os casos de violência e abuso psicológico e sexual, bullying, maus-tratos, trabalho infantil e exploração, dentro ou fora de casa. Nisto, as escolas são espaços importantes de socialização que precisam ter relação direta com os órgãos de proteção para evitar ou enfrentar qualquer negligência, discriminação, crueldade e opressão.

 

Compartilhe:

Isolda assume liderança do bloco PT/PL na Assembleia Legislativa

Nesta primeira semana da Assembleia Legislativa, formaram-se o bloco parlamentares na Casa. A deputada estadual Isolda Dantas (PT) lidera o bloco PT/PL, que é composto pelos deputados George Soares (PL), Francisco Medeiros (PT), Kleber Rodrigues (PL) e o vice-líder da bancada Ubaldo Fernandes (PL).

Os líderes de blocos partidários têm direito a voz e voto no colegiado de líderes da Assembleia Legislativa que dentre outras prerrogativas define quando uma matéria em regime de urgência pode ser liberada dos trâmites.

“Me sinto muito lisonjeada e com muita responsabilidade em representar e estar à frente desse bloco. Entre os desafios de 2020 está: fazer um mandato ainda mais forte para um RN cada vez mais do lado certo!” afirmou a nova líder.

Compartilhe:

Isolda solicita reserva de vagas para mulheres em concursos na área de segurança

Isolda encaminhou solicitação a governadora (Foto: cedida)

Considerando a competência do Governo do Estado para as leis que versam sobre o efetivo da PM e a criação e estruturação das Polícias, a deputada estadual Isolda Dantas (PT) solicita que a governadora encaminhe proposição à Assembleia Legislativa para que os próximos certames tenham reserva de vagas para as mulheres, e ainda permitam que estas possam concorrer também às vagas de ampla concorrência, efetivando uma política afirmativa, garantindo igualdade de direitos, em particular o de exercer cargos públicos nas Polícias e Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte,  e ampliando o número de mulheres nestas corporações.

Atualmente, apenas 3% do efetivo das Polícias Militar e Civil, bem como do Corpo de Bombeiros, são mulheres no RN.

“No concurso realizado pela gestão estadual passada, das mil vagas apenas 62 foram destinadas para mulheres. O TAC assinado por Fátima com o Ministério Público Estadual demonstra o compromisso de sua gestão quando amplia o número de mulheres a serem convocadas para os quadros da PMRN”, diz Isolda. E acrescenta: “Nossa solicitação é para que o Estado possa garantir, em igualdade de condições com os homens, que as mulheres ocupem os cargos públicos”.

Compartilhe:

Ordem no rosalbismo é elevar ataques contra Fátima e Isolda

Governadora e deputada serão prioridades na máquina de moer reputações do rosalbismo (Foto: Web/Autor não identificado)

A ordem do rosalbismo para os vereadores e imprensa alinhada é clara: atacar com tudo a governadora Fátima Bezerra (PT) e a deputada estadual Isolda Dantas (PT). A ação articulada já está em curso, mas será intensificada com o retorno das atividades em plenário na Câmara Municipal na próxima terça-feira.

A reforma da previdência estadual será o mote principal, mas outros temas serão abordados.

A máquina de moer reputações do rosalbismo atua de forma organizada e em bloco num rush de compartilhamentos.

Compartilhe:

Representantes do PT conversam com Jorge do Rosário

No último sábado, o empresário Jorge do Rosário (PL) teve uma longa conversa com a deputada estadual Isolda Dantas (PT) e o senador Jean Paul Prates (PT).

O cenário político mossoroense para 2020 foi analisado com régua e compasso.

Jean Paul Prates esteve no encontro falando em nome da governadora Fátima Bezerra (PT).

O que emergiu dos bastidores é que existe possibilidade de afinação futura entre o PT e PL nas eleições de outubro.

 

Compartilhe:

Isolda larga na frente na construção de arco de alianças para eleições de outubro

O PV de Alex do Frango estará com o PT de Isolda (Foto: BSV)

Está definido o primeiro apoio para as eleições de 2020. O vereador Alex do Frango, que está trocando o PMB pelo PV, informou ontem em entrevista ao jornalista Saulo Vale no programa Enfoque Político que estará ao lado da deputada estadual Isolda Dantas (PT) nas eleições de outubro.

“O PV é um dos partidos que dá sustentação ao governo Fátima Bezerra. Isso nos leva a apoiar a candidatura de Isolda à Prefeitura”, justificou.

O vereador está organizando a nominata de seu partido com vistas ao pleito de 2020.

Compartilhe:

Isolda destina emendas para hospitais de Mossoró

Deputada ouviu população antes de definir destino de emendas (Foto: cedida)

Ano passado, em 2019, o mandato da deputada estadual Isolda Dantas (PT) ouviu a população de Mossoró e dialogou sobre os problemas da cidade. A parlamentar destinou mais de 75% das suas emendas parlamentares para a região Oeste.

Com base na escuta e indicação das pessoas para onde deveriam ir suas emendas impositivas, a deputada destinou 300 mil em verba para hospitais de Mossoró. Garantindo a verba para reforma, aquisição de equipamentos e ampliação do Hospital Regional Tarcísio Maia – 150 mil, que atende a trinta e quatro municípios do RN, e o Hospital Rafael Fernandes – 150 mil, especializado no tratamento de pacientes com doenças infectocontagiosas.

A diretora do HRTM, Herbênia Ferreira e o diretor do Hospital Rafael Fernandes, Leonardo Menezes agradeceram o apoio da deputada Isolda, que tem contribuído com a destinação de recursos para os órgãos de saúde do estado.

Compartilhe: