Deputado defende programa de empregos para jovens que contrataram FIES

Maia sugere solução para estudantes endividados (Foto: cedida)

O deputado federal João Maia (PL), que é membro da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Federal, foi um dos entrevistados na matéria apresentada no Jornal da Band nacional sobre o crescimento da inadimplência no  Programa de Financiamento Estudantil (FIES).
Através do FIES, o estudante paga a faculdade ou parte dela só depois de se formar, com juros baixos e prazos estendidos. Em abril, o índice de inadimplência chegou a 53% e a tendência é piorar.
A Comissão de Defesa do Comissão – CDC pediu ao Tribunal de Contas da União – TCU uma investigação sobre o Fies, que está em andamento. Para o deputado João Maia, uma possível solução seria a criação de um programa de emprego criado pelo governo federal para quem se formou com empréstimo da União. “A alta inadimplência nós sabemos que parte se deve ao desemprego. Nós achamos que o governo devia ter um programa de emprego para os alunos que usaram parte do dinheiro da União para se formar”, disse João Maia.

Compartilhe:

João Maia acusa oposição de espalhar fake news sobre votação do auxilio emergencial

João Maia se defende (Foto: arquivo)

Em entrevista ao Radar Costa Branca, da FM 104, de Areia Branca, o deputado federal João Maia (PL) se posicionou a respeito do voto contra a proposta que previa manter o auxílio emergencial enquanto durar a pandemia.

O parlamentar alegou questões orçamentárias para justificar a posição e acusou a oposição ao presidente Jair Bolsonaro de praticar fake News.

Assista e depois voltamos ao assunto:

Nota do Blog: o deputado federal confunde emprega indevidamente a expressão “fake news” que é quando um veículo de comunicação divulga uma notícia falsa com intenção de atacar a reputação de alguém sem qualquer compromisso com o contraditório e os fatos. Neste Blog e em todos os veículos que noticiaram o assunto a informação é de que somente dois deputados do Rio Grande do Norte votaram a favor da proposta. O próprio João Maia admite que houve a votação e explica os motivos pelo qual votou contra. O resto fica por conta da guerra de narrativas, mas daí a sair falando em fake news é um exagero.

Compartilhe:

Deputado está internado com suspeita de covid-19

João Maia está internado (Foto: arquivo)

O deputado federal João Maia (PL) está internado no Hospital Rio Grande em Natal com suspeita de covid-19. Ele está com todos os sintomas e aguarda a confirmação do exame até a noite de hoje.

Confira abaixo o comunicado da sua Assessoria de Imprensa:

O deputado federal João Maia encontra-se hospitalizado em Natal, com suspeita de ter contraído a covid-19. No momento, o parlamentar apresenta quadro estável e aguardando o resultado do exame que só deve sair na noite desta quinta-feira (02). João Maia está realizando exames e seguindo todas as orientações médicas. Desde já, agradecemos a preocupação e o carinho de todos os potiguares.

Assessoria de Comunicação do deputado federal João Maia.

Compartilhe:

Bancada Federal inicia discussão sobre as emendas para o orçamento de 2020

Gestores apresentam demandas (Foto: Fábio Barros)

A bancada federal do Rio Grande do Norte promoveu reunião ampla na noite desta quarta-feira, 16, com o Governo do Estado, prefeitos, entidades e órgãos públicos estaduais e federais com atuação no estado a fim de ouvir as demandas e embasar a destinação das emendas parlamentares no Orçamento 2020.

Participaram da audiência os oito deputados federais e os três senadores que representam o Rio Grande do Norte: Rafael Motta, Natália Bonavides, Benes Leocádio, Beto Rosado, Fábio Faria, João Maia, Walter Alves, General Girão, Zenaide Maia, Styvenson Valentim e Jean Paul Prates.

O coordenador da bancada, deputado Rafael Motta, afirmou que os parlamentares irão estudar todos os pedidos e voltarão a se reunir para chegar a um consenso sobre onde os recursos serão aplicados.

“A nossa prioridade é otimizar a aplicação das emendas parlamentares para que elas cumpram o objetivo: atender as necessidades da população”, disse.

A partir deste ano, todas as emendas parlamentares passam a ter caráter impositivo, ou seja, de pagamento obrigatório pelo Governo Federal. Em 2020, R$ 6,7 bilhões serão divididos proporcionalmente entre as bancadas estaduais.

Estavam presentes os prefeitos de Natal, Álvaro Dias, de Caicó, Batata, de São Gonçalo do Amarante, Paulinho, a prefeita de Jandaíra, Marina Dias, de Itajá, Alaor Pessoa, o deputado estadual Alisson Bezerra, os secretários do gabinete Civil do Governo do Estado, Raimundo Alves, e do Meio Ambiente, João Maria Cavalcanti, o secretário da Prefeitura de Parnamirim, Prof. Giovani Júnior, os reitores da UFRN, José Daniel, e da UFERSA, José de Arimatéia, da IFRN, Wyllys Tabosa, representantes da PM/RN, do Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Detran, ITEP, CODERN, DNOCS, do Sindiguardas, da PRF/RN, Funasa, Marinha, do Sindicato das Indústrias de Extração do Sal e da Liga Contra o Câncer.

Compartilhe:

PL faz encontro em Mossoró

Jorge do Rosário é presidente do PL em Mossoró (Foto: cedida)

O diretório municipal do Partido Liberal realiza no próximo dia 17, em Mossoró, o Encontro Regional do PL e PL/Mulher. O evento dar-se-á no Salão Ilha do Hotel Villa Oeste, às 19h

O presidente do PL mossoroense é o empresário Jorge do Rosário. Ele explica que o objetivo não é reunir somente pessoas ligadas a sigla. “Ficaremos felizes com a participação de todos. O momento é de construção de um projeto sustentável para Mossoró”, enfatizou.

O presidente estadual do PL, deputado federal João Maia fará uma palestra sobre Parcerias Público Privadas (PPPs). O parlamentar preside Comissão Especial em Brasília que trata do tema. “O novo marco regulatório para as PPPs atrairá investimentos em infraestrutura para o Brasil, gerando emprego e renda. Tenho trabalhado forte nisso”, disse.

O PL Mulher estará representado pela presidente Shirley Targino, que falará sobre a importância da participação feminina na política. “Aquelas que querem participar das eleições 2020 são bem-vindas a realizarem filiação no evento”, acrescentou Shirley.

Texto atualizado às 17h28.

Compartilhe:

Deputado oficializa mudança partidária

Deputado chega ao PL (Foto: divulgação)

O Partido Liberal (PL) ganhou mais força neste sábado (10) com a filiação do Deputado Estadual Ubaldo Fernandes e lideranças de seu grupo político. O Ato de Filiação aconteceu no Auditório da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte e contou com as presenças de vários políticos, a exemplo do Deputado Federal e Presidente Estadual do PL, João Maia, da Prefeita de Messias Targino e presidente do PL Mulher, Shirley Targino, dos Deputados Estaduais Kleber Rodrigues e George Soares, entre outros.

“Este namoro com o PL era antigo e, em 2018, senti muito apoio e convergência de ideias por parte do nosso líder, o Deputado Federal João Maia. Venho para o PL para buscar maior representatividade no cenário federal e mais força política para obter as melhorias que sonho para o Rio Grande do Norte”, disse Ubaldo Fernandes em seu discurso.

O Deputado João Maia elogiou a trajetória de luta do novo filiado. “Todos conhecem a origem humilde de Ubaldo, seus valores e sua batalha nos movimentos sociais, que o levaram à Câmara Municipal de Natal por duas vezes e agora o conduziram até a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Será muito importante contar com sua força e liderança para traçar os novos rumos para o partido no Estado e em Natal”, ressaltou João Maia.

Compartilhe:

Deputado assume presidência de comissão na Câmara

João Maia assume comando de comissão (Foto: Assessoria)

O deputado federal João Maia (PL/RN) foi eleito, na tarde desta terça-feira (06), para a presidência da Comissão Especial da Câmara dos Deputados, destinada a elaborar o novo marco legal referente às Parcerias Público-Privadas, concessões públicas e fundos de investimentos em infraestrutura.

Em suas mídias sociais, o deputado fez a seguinte declaração: “Firme no trabalho para a geração de emprego e renda e com fé que não decepcionarei o povo do RN e do Brasil”, disse o parlamentar.

O parlamentar foi mais uma vez é escolhido para presidir uma importante comissão. Em março assumiu a presidir a Comissão de Defesa do Consumidor na Câmara Federal. No mês passado João Maia assumiu a titularidade da Comissão Especial da Reforma Tributária.

Compartilhe:

Petrobras anuncia que vai investir R$ 2,6 bilhões no RN até o fim de 2019

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, disse nesta terça-feira, 28 de maio, que a empresa investirá US$ 668 milhões (R$ 2,6 bilhões em cotação de hoje) no Rio Grande do Norte, em 2019.  Ele esteve reunido com a governadora Fátima Bezerra, o senador Jean Paul Prates (PT) e o deputado João Maia (PL), na sede da empresa, no Rio de Janeiro.

Castelo Branco detalhou que, apenas na parte de investimentos, o Estado receberá US$ 198 milhões (R$ 792 milhões). “O Estado sempre foi, é, e será muito importante para a Petrobras”, disse.

Em relação à Refinaria Clara Camarão, Castelo Branco afirmou que manterá a operação e vai buscar parcerias para investimentos adicionais. Ainda está previsto a operação de três blocos marítimos na bacia potiguar, dois em parceria com a Shell e um da própria Petrobras, que vão serão trabalhados ao longo dos próximos anos.

O senador Jean Paul Prates destacou que os investimentos da Petrobras de quase meio século estão entranhados na economia do Rio Grande do Norte. Qualquer movimentação na política de investimento requer um diálogo do governo federal com o governo estadual.  “A reunião cobriu seu propósito de abrir para a Petrobras toda disponibilidade do estado em ajudar a empresa a manter seus investimentos no Rio Grande do Norte ”, declarou.

A Petrobras confirmou ainda que manterá a produção terrestre no Estado e que quer continuar a delimitação do campo de Pitu, com perfuração de novos poços e a aquisição de mapeamento sísmico 3D. A descoberta de óleo e gás, a primeira em águas profundas da Bacia Potiguar, foi comunicada em 2013. Campos de Pitu, operado pela Petrobras, está localizado a 60 km do litoral do Estado, com profundidade final de 4.200m.

“A Petrobras quer investir em águas profundas no Rio Grande do Norte”, disse Jean. “Ficou bem claro que os planos da Petrobras podem ser perfeitamente compatibilizados com os incentivos que o estado deve fazer para que a empresa mantenha o nível de interesse elevado no estado”, completou.

Ao final da reunião, a governadora Fátima Bezerra convidou o presidente da Petrobras a visitar o Rio Grande do Norte e apresentar os investimentos da empresa para os governadores do Nordeste. “A Petrobras é importante para o desenvolvimento econômico e social do nosso estado”, afirmou a governadora, nas redes sociais.

Também foi solicitada a continuação de patrocínios culturais para o estado e a revitalização das rodovias estaduais, que servem como principal linha de escoamento de petróleo no país.

O deputado federal João Maia considerou que “o mais positivo nessa audiência foi a sinceridade da governadora sobre a situação do Rio Grande do Norte perante a Petrobras e também a disponibilidade do presidente e da diretoria da estatal para, através do diálogo, atender as nossas pendências”.

Compartilhe:

Confira o vídeo que denunciou compra de sentença. Deputados são citados como articuladores

Um vídeo veiculado nas redes sociais em 13 de junho de 2014, Anaximenes Lopes Nunes, irmão de Anaximandro

Lopes Nunes, candidato a vice-prefeito de Francisco de Dantas, revelou o esquema para comprar a sentença no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN) que reverteria o indeferimento da candidatura de Maria Aparecida de Araújo, esposa do prefeito cassado Gilson Dias.

O link do vídeo abaixo é extraído do Canal do Blog do BG:

Ele cita o deputado estadual Getúlio Rego (DEM) e o deputado federal João Maia (PR) como articuladores. Quem também é envolvido é o atual prefeito de Pau dos Ferros Leonardo Rego (DEM).

Após a veiculação do vídeo, o advogado Erick Pereira sugeriu sustar a operação porque o assunto teria vazado na imprensa de Natal.

O caso deu origem a Operação Balcão realizada ontem pelo Ministério Público Federal.

Compartilhe:

Confira a posição de cada deputado do RN sobre a reforma da previdência

Maioria da bancada é contra proposta de Bolsonaro (Foto: montagem/Blog do Barreto)

O conteúdo da reforma da previdência apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) segue dividindo opiniões.

Mas como se posiciona os oito deputados federais do Rio Grande do Norte?

A partir de agora o Blog do Barreto traz a posição de cada deputado potiguar sobre o tema.

Único membro do Rio Grande do Norte na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, onde a proposta  começa a ser analisada, Beto Rosado (PP), afirma que não há inconstitucionalidades, mas deixa bem claro o que ele não aceita. “A proposta que foi enviada eu não estou de acordo. Como membro do Progressistas nós enviamos um documento assinado pelas lideranças ressaltando a necessidade da retirada da aposentadoria rural, BPC (Benefício de Prestação Continuada) e este último o próprio ministro Guedes admitiu alterar. Além da desconstitucionalização referentes aos artigos da reforma e isso de cara nós nos posicionamos contra. Os policiais mandaram um texto diferente para os militares e isso gera dificuldades. O texto está cheio de falhas. Não estou de acordo com a reforma do jeito que está”, frisou.

O coordenador da bancada federal Rafael Mota (PSB) deixa claro que não vai votar a favor de injustiças contra o trabalhador. “Nosso mandato tem tido uma posição firme com relação às reformas. Não somos contra mudanças, mas somos contra novidades que imponham ao trabalhador e ao contribuinte uma conta que não é deles. Não há como falarmos em reforma sem que os maiores devedores da Previdência respondam pelos seus débitos. A CPI que se aprofundou sobre as contas deixou claro onde está o problema. Não pretendemos ignorar isso e não vamos compactuar com injustiças, principalmente se elas recaírem sobre as mulheres, os trabalhadores rurais e as pessoas com deficiência”.

O deputado General Girão (PSL) se coloca favorável a proposta, mas entende que ela pode ser aperfeiçoada. “Sou a favor. Claro que iremos aperfeiçoar nos diálogos, que já estão sendo feitos”, explica.

Já Fábio Faria (PSD) diz ser contra mexer na aposentadoria rural e alterar o Benefício de Prestação Continuada. O restante da posição ele está tratando como em análise.

A mesma tendência é a de João Maia (PR). “Sou a favor com modificações na aposentadoria rural, BPC e discutindo magistério e regras de transição”, explica.

Os deputados Benes Leocádio (PRB) e Walter Alves (MDB) afirmam ser contra o texto na forma como ele está.

A deputada Natália Bonavides (PT) entende que a proposta não está de acordo com o discurso do Governo. “Somos contra a proposta de reforma da previdência de Bolsonaro. O projeto é o contrário do que o governo diz: em vez de combater privilégios, joga a conta da crise para a população mais pobre, de salários mais baixos, e para idosos e pessoas com deficiência que dependem de benefício assistencial. Tudo isso ao mesmo tempo em que propõe a capitalização, medida que somente enriquece os bancos e que tira dos empregadores a obrigação de contribuir. Protocolamos quatro projetos de lei para combater os grandes devedores em situação de lucro (quem deve mais de 10 milhões e opta por não pagar, mesmo tendo condições), enquanto o governo não apresenta medidas duras no sentido de coibir a lucrativa estratégia de empresas acumularem dívidas com a previdência”, analisa.

Balanço

Cinco deputados são contra a proposta do jeito que ela está: Beto, Rafael, Walter, Benes e Natália. Dois são a favor com ressalvas: João Maia e Fábio Faria. General Girão é a favor, mas se coloca aberto ao diálogo.

 

Compartilhe: