Técnicos de enfermagem questionam versão sobre alimentação do HRTM

Técnicos de enfermagem reclamam de qualidade da alimentação no HRTM (Foto: Reprodução)

Um grupo de técnicos de enfermagem do Hospital Regional Tarcísio Maia enviou nota ao Blog do Barreto questionando a versão da coordenadora de nutrição Leodise Cruz que tratou o episódio da quentinha que viralizou nas redes sociais como um caso isolado.

Confira a nota:

Nota dos profissionais da UTI covid do HRTM

 

O problema referente a alimentação, fornecida para os funcionários do setor é recorrente e já vem perdurando por muito dias, já foi notificado várias vezes ao setor, inclusive pela própria coordenadora da uti, porém nem uma solução foi tomada. Em nota a coordenadora da nutrição fala que não eh janta e sim um lanche, um mine jantar, então fazemos a pergunta e a janta, onde fica? E no dia citado nao teve cachorro quente nenhum. Uma vez que temos uma rotina de 24h ou 12 horas corridas e por ser um setor fechado não podemos estar saindo para nós alimentar, temos o direito a refeições, direito esse que está sendo ofertado mais de maneira precária.

A coordenadora da nutrição ainda questiona o nosso comportamento, sendo que fica mal compreendido, quer dizer então que não temos o direito de reivindicar boas condições de trabalho? Quer dizer que somos obrigado a nos alimentar mal, para cuidar das pessoas? Estamos na linha de frente, onde nem todo profissional de saúde quis estar, então merecemos um pouco de dignidade e respeito, afinal a escravidão no contexto já acabou faz anos.

 

Danyllo Dias

Fabiana Bezerra

Daiany Santos

Fernanda Lima

Rute Garcia

Suzana Saraiva

Keliane Varela

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *