TRE/RN suspende fundo partidário do Podemos

Podemos fica sem mandato de Jácome e fundo partidário

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN ) suspendeu o envio de recursos do fundo partidário ao Diretório Estadual do Podemos.

A decisão foi tomada porque a agremiação teve as contas relativas ao ano de 2015 reprovadas.

O relator do processo foi o juiz André Pereira que seguiu a orientação do órgão técnico responsável pela análise das contas que identificou a ausência de diversas peças essenciais ao exame das contas, prejudicando a integralidade e confiabilidade das contas como um todo.

O partido e seus dirigentes foram devidamente intimados pelo TRE-RN e pela Procuradoria Regional Eleitoral a se manifestar acerca dessas demandas, mas nenhuma resposta foi dada.

O Podemos é liderado no Rio Grande do Norte pelo deputado federal Antonio Jácome que tentou se eleger senador nas eleições de outubro.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *