Marleide Cunha deixa direção do Sindserpum para tentar vaga na Câmara Municipal

Marleide presidiu o Sindiserpum por dois mandatos (Foto: cedida) Obs.: imagem ilustrativa

A professora Marleide Cunha deixou a presidência do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum) para tentar uma vaga na Câmara Municipal. A decisão cumpre os prazos de desincompatibilização da Justiça Eleitoral.

Marleide se tornou uma candidata viável dentro do PT graças a atuação a frente do sindicato em dois mandatos. Ela se tornou por determinado período a principal opositora da prefeita Rosalba Ciarlini (PP).

O incômodo foi tamanho que a prefeita enviou ao legislativo e conseguiu aprovar projeto que retirou o desconto da contribuição sindical dos contracheques dos servidores asfixiando Sindiserpum economicamente.

Marleide ainda recebeu o título de Persona Non Grata aprovado na Câmara Municipal por causa de sua atuação.

Ela é filiada ao PT.

O vereador Gilberto Diógenes assumirá a presidência do Sindiserpum.

Compartilhe:

Comments

comments

2 opiniões sobre “Marleide Cunha deixa direção do Sindserpum para tentar vaga na Câmara Municipal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *