Mossoró Oil & Gas começa amanhã (Foto: cedida)

Mossoró OIL & Gas Expo começa nesta terça-feira

Considerada a capital brasileira do onshore (produção de petróleo e gás em terra), Mossoró sediará a edição 2022 do Mossoró Oil & Gas Expo (Moge), maior evento do segmento no Brasil, de terça-feira (5) a quinta-feira (7), no Expocenter, da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa).

Com ênfase na inovação e nas novas oportunidades geradas no setor a partir da presença da iniciativa privada nas operações, a feira retoma em 2022 a programação 100% presencial.

O evento é uma iniciativa da Redepetro RN e do Sebrae no Rio Grande do Norte, e reunirá, em Mossoró, os principais atores da cadeia produtiva do petróleo e gás. É o caso da Associação Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Ministério de Minas e Energias, Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Associação Brasileira de Produtores Independentes de Petróleo (ABPIP), entre outras.

Também participarão as maiores operadoras de petróleo e gás do país. Entre elas, a 3R Petroleum e Potiguar E&P, que recentemente adquiriram a maior parte dos ativos da Petrobras no Rio Grande do Norte.

O presidente da Redepetro RN, Gutemberg Dias, informa que, além da exposição institucional, em mais de 90 estandes, o Moge contará com vasta programação técnica. As palestras e painéis temáticos serão apresentados, ao longo dos três dias de evento, nos espaços denominados de Arena Petróleo e Gás e Arena Inovação.

Programação

Na Arena Petróleo e Gás, segundo Gutemberg Dias, os painéis contemplarão discussões técnicas e mercadológicas, com enfoque no atual cenário e nas tendências do onshore brasileiro. As apresentações serão feitas por especialistas do setor, oriundos do Brasil e do exterior. A ideia é aprofundar as discussões em torno das novas oportunidades das atividades de petróleo e gás em terra do país.

Entre os destaques das temáticas no evento, ele aponta: caminhos para um marco regulatório; midstream/downstream – oportunidades do onshore brasileiro; empoderamento feminino no onshore brasileiro; tecnologias aplicadas à recuperação em campos maduros; além de novas fronteiras de óleo e gás; perspectivas do mercado do gás no onshore; e poço transparente –  desafios técnicos e regulatórios.

“Já na Arena Inovação, haverá discussões e apresentação de soluções tecnológicas e inovadoras para melhorias de processos, oficina para projetos de P, D & I para óleo e gás, além do Demoday Mossoró Oil & Gás (pitch de startups selecionadas para empresas de óleo e gás convidadas)”, informa.

Paralelamente, ocorrerá a programação científica, no III Simpósio de Petróleo e Gás do Onshore Brasileiro, realizado em parceria com a Ufersa, que reunirá profissionais, estudantes e pesquisadores da área de petróleo e gás, com ênfase em exploração onshore. O evento também oferecerá apresentações de trabalhos, plenárias e minicursos.

Negócios

O gestor do projeto de Petróleo e Gás do Sebrae RN, Robson Matos, acrescenta que o Moge vai além das exposições e discussões em torno da cadeia produtiva do petróleo e gás. “Também oportuniza geração de novos negócios, ao promover intercâmbio comercial entre empresas compradoras e fornecedoras do setor, em evento denominado PetroSupply Meeting”, diz. Capitaneado pelo Sebrae RN, a iniciativa contempla negócios tanto no segmento de exploração e produção quanto no setor de refino e transporte. Na edição deste ano, os encontros de negócios ocorrerão das 14h às 18h, nos três dias de programação.

Inscrições

Interessados em participar das palestras e painéis da edição 2022 do Moge têm até domingo (3) para efetuar a inscrição, no site institucional do evento https://mossorooilgas.com.br/, onde devem preencher o formulário disponível na aba “inscrições”. Após esse prazo, serão aceitas somente inscrições na modalidade presencial.

O evento

O Mossoro Oil & Gas surgiu em 2016, como Fórum Onshore Potiguar. Em seis anos, evoluiu de 10 estandes e 100 pessoas para 80 estandes e mais de 2.000 participantes. É realizado pela Redepetro RN e Sebrae RN, com apoio de ABPIP, FIERN, Governo do Estado, Prefeitura de Mossoró, patrocinadores e outros parceiros. O evento reafirma Mossoró como capital do onshore brasileiro em fase otimista do setor em face do reaquecimento da produção.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter