MP investiga Álvaro por distribuição de ivermectina para tratar covid-19

Farra

O Ministério Público do Rio Grande do Norte está investigando o prefeito de Natal Álvaro Dias (PSDB) pela distribuição de ivermectina como tratamento para a covid-19.

A informação foi em resposta à denúncia da deputada federal Natália Bonavides (PT).

Diz o despacho do parquet:

“Com relação ao uso profilático da ivermectina, já há, no âmbito desta CJUD, Notícia de Fato em andamento, a fim de apurar a possível prática dos crimes previstos nos artigos 268 e 280 do Código Penal, pelo Prefeito de Natal/RN, Álvaro Costa Dias, em decorrência da propagação do uso da Ivermectina como meio substitutivo ao uso da vacina para imunização coletiva”.

Mas o que dizem os artigos em que Álvaro pode ser enquadro em denúncia:

268

Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa

280

Fornecer substância medicinal em desacordo com receita médica.

Autora do questionamento a deputada Natália Bonavides criticou o prefeito de Natal. “Álvaro Dias incentiva constantemente o uso de Ivermectina no combate à Covid-19, um remédio sem comprovação científica, isso não pode continuar. Na audiência de ontem, ele chegou a dizer que vivemos um momento mais confortável e que ‘vencemos a pandemia’. Confortável para quem? Atualmente Natal é o epicentro da Covid no Estado, com UTIs lotadas e pacientes sendo transferidos para o interior. O prefeito precisa ser responsabilizado por essas condutas”, declarou.

Compartilhe:

Comments

comments

Uma opinião sobre “MP investiga Álvaro por distribuição de ivermectina para tratar covid-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *