Fábio é queimado com Álvaro (Fotomontagem: Blog do Barreto)

Por que Álvaro Dias não vota em Fábio Dantas?

A história está adormecida há sete anos nos bastidores, mas é bem conhecida por quem circula no meio político da capital e explica porque o prefeito de Natal Álvaro Dias (PSDB) nega publicamente o apoio ao ex-vice-governador Fábio Dantas (SD) na disputa pelo Governo do Rio Grande do Norte.

A história passa pela eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa em 2015. Estava se desenhando um cenário de descontinuidade do poder do então presidente Ricardo Motta (na época no PROS) e Álvaro sonhava em voltar a ocupar o posto onde esteve entre 1997 e 2003.

O então vice-governador Fábio Dantas lhe prometeu apoio, mas serviu mesmo de espião favorecendo o vencedor da disputa Ezequiel Ferreira de Souza, que na época ainda estava no PMDB.

De lá para cá Ezequiel seguiu presidente da Assembleia e Álvaro ganhou a Prefeitura de Natal até se tornando correligionário do líder tucano.

Só não rolou o perdão de Álvaro a Fábio.

 

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter