Prefeito cobra repasses do Governo do Estado para a saúde

Cumprindo agenda administrativa em Natal, o prefeito Francisco José Júnior se reuniu com o secretário estadual de Saúde, Ricardo Lagreca, oportunidade em que reivindicou melhorias para a rede de saúde de Mossoró e também solicitou informações quanto ao repasse de débitos em aberto com o Município.

No encontro, que também contou com a participação da coordenadora de hospitais da Sesap, Milena Martins, da secretária municipal de Saúde, Leodise Cruz, da diretora da junta interventora do Hospital Maternidade Almeida Castro, Larizza Queiroz, e ainda do deputado estadual Galeno Torquato, responsável por intermediar a reunião, foram debatidos temas como a repactuação de serviços como oncologia, UPAs e Samu e a estruturação dos hospitais estaduais instalados em Mossoró, entre outros.

“Mossoró é responsável pelo atendimento de 30% do total de pacientes do Rio Grande do Norte, então nada mais justo do que a cidade receber proporcionalmente pelos serviços prestados a cidadãos de todo o estado. O país vive a pior crise das últimas décadas, o que está afetando diretamente as receitas dos municípios, por isso a parceria com o Governo do Estado ser essencial. Tenho certeza que o amigo e governador Robinson Faria está sensível aos nossos pleitos, e quero também agradecer ao deputado Galeno pela parceria em prol de Mossoró ”, destacou o prefeito Francisco José Júnior.

A secretária de saúde Leodise Cruz avaliou como positiva a reunião. “É um momento importante para apresentarmos nossas reivindicações e enfatizarmos a necessidade de repactuarmos serviços como a oncologia, obstetrícia e as Unidades de Pronto Atendimento. Recebemos pacientes de várias regiões do Rio Grande do Norte, portanto é urgente e necessária mudanças no que diz respeito a esses repasses financeiros, para que possamos continuar oferecendo um atendimento de qualidade à população”, conclui.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *