Vice de Daniel Morais, Ronaldo Tavares será o primeiro deficiente visual em chapa majoritária no RN (Foto: cedida)

PSOL oficializa chapa para o Governo com primeiro deficiente visual a disputar chapa majoritária no RN

O PSOL oficializou neste domingo (31/07) a candidatura de Danniel Morais ao Governo do Estado. Em convenção realizada na Câmara Municipal de Natal, o partido também apresentou o candidato a vice-governador, o radialista Ronaldo Tavares, que será o primeiro deficiente visual a disputar uma eleição em chapa majoritária no Rio Grande do Norte.

O PSOL ainda tentará vaga no Senado com o professor Freitas Júnior e apresentará 12 candidatos e candidatas para a Câmara dos Deputados e seis para a Assembleia Legislativa do RN. A Rede Sustentabilidade, que faz parte da mesma federação, contará com sete candidatos, sendo três para deputado federal e quatro para estadual.

Segundo Danniel Morais, que é presidente do PSOL/RN, uma candidatura genuinamente de esquerda ao Governo do Estado se faz necessária. “Temos mais de um terço da população do estado passando fome e essa situação é inaceitável, por isso estamos construindo um programa focado em combater esse problema”, explicou.

Sobre o fato de contar com Ronaldo Tavares como candidato a vice, Danniel destacou ser uma proposta inovadora. “Somos um estado em que quase 30% da população tem algum tipo de deficiência, então essa é uma forma de reforçarmos nosso comprometimento com esses potiguares”, disse.

Presidente da Associação dos Cegos do Rio Grande do Norte (Socern), Ronaldo Tavares diz se orgulhar de fazer parte da chapa. “Temos um projeto sério para o Rio Grande do Norte e os potiguares já estão cansados de ver as famílias tradicionais, que só governam para seus próprios benefícios, à frente da política estadual”, avaliou.

Sobre Danniel Morais

Danniel Morais é presidente estadual do PSOL há quatro anos e será o candidato do partido ao governo do estado. Formado em administração, ativista dos direitos humanos e de movimentos sociais, foi cocandidato a vice-prefeito de Natal, em 2020, e a deputado federal, em 2018.

Iniciou seu ativismo ainda quando estudante universitário, depois integrou a equipe do ex-vereador Maurício Gurgel. Em 2016, filiou-se do PSOL e foi presidente municipal do partido por um ano.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter