Categorias
Matéria

Cidade Junina provoca aumento de procura de voos para Mossoró e empresa anuncia ampliação de linha

Com o lançamento da programação do Mossoró Cidade Junina 2022, realizado pela Prefeitura de Mossoró no último dia 12 de abril, a empresa Azul Linhas Aéreas registrou aumento significativo na procura por voos para o período festivo. Nesse sentido, a empresa já prepara uma programação especial para atender à demanda.

Por conta da alta procura, a Azul anunciou que vai ampliar a quantidade de voos para Mossoró, adicionando viagens aos sábados para Natal, capital do Estado. “Durante maio e junho, a malha para Natal será coberta pelo voo aos sábados. Mossoró ganha mais uma frequência semanal, que permanecerá mesmo após junho”, comunicou a empresa.

Atualmente a companhia oferta voos diariamente para Recife, capital pernambucana, além de viagens alternadas para Natal/RN. Com a novidade na ampliação dos voos, Mossoró passa a contar a partir do dia 7 de maio com rotas para Natal às segundas, quartas, sextas e aos sábados.

Daniel Salgado, coordenador das bases em Mossoró e Aracati/CE, conta que a expectativa é de esgotar o número de passagens em voos diários para o período junino. O gestor do aeroporto destaca a importância da realização de eventos como o Mossoró Cidade Junina para o segmento do turismo local.

“Estamos com uma expectativa bem alta para o evento. Registramos uma alta em nossas demandas de venda de passagens e estamos nos preparando para receber todos os clientes. Com certeza, nossos voos vão lotar, estamos bem animados. Com mais clientes aqui na cidade, a economia ganha muito com isso, pois fomenta o turismo e temos mais oportunidades de negócios relacionados a isso”, enfatizou.

Fonte: Secom/PMM

Categorias
Matéria

Azul muda horários de voos em Mossoró

A partir de março os voos da Azul no Aerporto Dix-sept Rosado passarão por alterações. Os voos entre Mossoró e Recife passarão a ser diários e sem escalas em Aracati. Diariamente partirá um avião de Recife às 12h55, com chegada em Mossoró às 14h15. Na volta, os voos partirão de Mossoró às 15h, pousando em Recife às 16h15.

A mudança é um incremento no número de voos diretos, assentos e aumenta ainda mais a conectividade da cidade.

Já a rota entre Mossoró e Natal, operada às segundas, quartas e sextas, mudará de horário, permitindo um melhor aproveitamento do dia. Os voos partirão de Natal à 0h15, com pouso em Mossoró à 01h15. Os de volta partirão de Mossoró às 04h30, com pouso em Natal às 05h20.

A justificativa informada pela empresa ao Blog do Barreto é que a malha aérea em Mossoró terá mais capacidade.

Categorias
Matéria

Azul define data para retomada dos voos em Mossoró

Aeroporto de Mossoró vai voltar a ter voos da Azul (Foto: Hugo Andrade/Inter TV Costa Branca)

Diante da retomada do turismo em todo o país, a Azul amplia ainda mais sua malha doméstica e anuncia o retorno de sua operação em Mossoró, no Rio Grande do Norte, a partir de 01º de março de 2021. Os voos, que seguirão os protocolos de higiene e segurança adotados pela companhia desde o início da pandemia, começam a ser comercializados nos canais oficiais da empresa a partir do próximo sábado, 19 de dezembro.

Partindo de Mossoró, o Cliente voará a bordo de aviões modelo ATR 72-600, com capacidade para 70 Clientes, com destino ao Recife, principal hub da Azul no Nordeste, de onde poderá se conectar a destinos como Belém, Teresina, Manaus, Belo Horizonte, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo.

“Estamos passando por essa retomada gradual e responsável com a reabertura de nossas bases em todo o Brasil. Com Mossoró, ampliamos a oferta de voos no Rio Grande do Norte, para oferecer aos nossos Clientes viagens para toda a malha aérea nacional, seja a lazer ou a trabalho. Sempre respeitando todas as medidas de higiene e segurança que a Azul adotou desde o começo da pandemia”, destaca Vitor Silva, gerente de planejamento de malha da Azul.

O novo padrão de limpeza e segurança da Azul

A Azul reforçou a limpeza de suas aeronaves a cada voo e à noite, seguindo os protocolos sugeridos pela IATA e Anvisa. A companhia também foi a primeira do país a tornar obrigatório o uso de máscaras por Tripulantes e Clientes, tanto a bordo quanto em solo. Em outra iniciativa pioneira, a Azul passou a medir a temperatura dos Tripulantes a cada início de turno, aumentando a confiança em solo e a bordo e preservando a vida e a segurança de todos.

A companhia tem orientado o check-in pelo aplicativo e, para aqueles que precisa despachar a bagagem, sugere o uso das bancadas digitais de autoatendimento, em que o próprio Cliente etiqueta sua bagagem sem contato com a tela dos tablets. Para o embarque, a Azul lançou o Tapete Azul, tecnologia pioneira no mundo, que é composto por um conjunto de projetores e monitores. Por meio de realidade aumentada, projetores no chão formam um tapete virtual colorido e móvel que convida a pessoa a se posicionar na fila de acordo com seu número de assento. A inovação vem proporcionando uma diminuição de cerca de 25% no tempo em que uma pessoa leva entre embarcar e sentar dentro do avião e, de quebra, contribui para o distanciamento social, já que os Clientes convocados para o embarque ficam a quatro metros de distância entre si.

A bordo da aeronave, lenços umedecidos estão à disposição para uso dos Clientes e dos Tripulantes da Azul e sachês de álcool em gel são distribuídos a todos os viajantes. A companhia também tem utilizado descontaminantes bactericidas que contam com um princípio ativo que elimina vírus e bactérias em 99,99% dos casos.

Além disso, a empresa também adotou o sistema de raio ultravioleta da Honeywell para a limpeza do interior de suas aeronaves. O UV Treatment System é capaz de auxiliar a limpeza do interior de uma aeronave em menos de 10 minutos. A tecnologia representa uma camada a mais de segurança que será gradualmente introduzida na frota da Azul, a primeira empresa aérea da América Latina a trazer essa inovação.

Somando-se a isso e à limpeza dupla nos assentos, mesinhas, bolsão, banheiros, encosto de cabeça, cinto de segurança, janela, paredes e compartimentos superiores, a Azul vem atendendo todas as normas de procedimento de limpeza e desinfecção sugeridas pelas autoridades sanitárias. O serviço de bordo passou a ser realizado ao final do voo, garantindo o uso da máscara durante toda a viagem, e o desembarque agora é realizado por fileiras, evitando as costumeiras aglomerações no corredor no momento de saída da aeronave.

Confira, a seguir, a malha prevista para a reabertura de Mossoró:

 

Mossoró (MVF) – Recife (REC)
REABERTURA DE BASE *A partir de 01 de março de 2021*

Origem

Saída

Destino

Chegada

Frequência

Recife

12:50

Mossoró

14:15

Exceto aos sábados

Mossoró

15:00

Recife

16:20

Exceto aos sábados

Fonte: Azul Linhas Aéreas

Categorias
Matéria

Incêndio atinge aeroporto de Mossoró na véspera da chegada do presidente

Incêndio se alastrou até o aeroporto (Foto: cedida)

Um incêndio acabou atingindo o Aeroporto Dix-sept Rosado na madrugada desta quinta-feira, véspera da chegada do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo informações que o Blog do Barreto apurou com funcionários do campo de pouso ocorreu um incêndio ontem na área do carnaubal que se alastrou até a área do aeroporto.

Existe a desconfiança de que teria sido um ato de vandalismo. O caso está sendo investigado pelas autoridades policiais.

Não é de hoje que ocorrem atos como esse nas imediações do aeroporto. Semana passada, o equipamento chegou a ficar sem funcionar por causa de roubo de lâmpadas.

Apesar dos problemas, o aeroporto está em condições de receber o presidente amanhã.

Categorias
Matéria

Invasão de pista força fechamento do aeroporto de Mossoró

Imagem do momento em que o vândalo estava quebrando a lâmpado (Foto: cedida)

O Aeroporto Dix-sept Rosado, sediado em Mossoró, ficará fechado até a meia noite do dia 12 de agosto. A decisão é motivada pelas constantes invasões na pista que resultam em quebra de lâmpadas.

A ação já foi flagrada pelas câmeras de segurança e a polícia sempre é acionada, mas nunca consegue chegar a tempo de prender o vândalo.

Já são duas semanas em que diariamente as lâmpadas são quebradas.

Embora não esteja com voos comerciais desde o início da pandemia do novo coronavírus, o aeroporto de Mossoró vinha recebendo aviões particulares.

Categorias
Matéria

Azul ainda não tem previsão de retorno de voos para Mossoró

Retorno de voos em Mossoró segue sem previsão (Foto: Magnos Nascimento)

O Blog do Barreto questionou a Assessoria de Comunicação da Azul Linhas Aéreas sobre a previsão de retorno dos voos da empresa no Aeroporto Dix-sept Rosado em Mossoró.

Por meio de nota a Azul explicou que tem planos de fazer um retorno gradual a partir de julho. “Diante das incertezas geradas com relação à desaceleração da pandemia e da retomada econômica, a Azul tem mantido uma malha aérea mais abrangente a partir de julho, de forma a poder monitorar as demandas e recuperar a oferta com mais assertividade”, disse.

Mas nesta primeira etapa de retorno dos voos, a empresa não inclui Mossoró. “A companhia tem a expectativa de retomar a maior parte de sua malha ao longo do segundo semestre, mas só será possível definir com mais quais cidades voltarão a receber voos à medida que a empresa consiga ter melhor visibilidade do comportamento do cliente e da economia ao longo dos meses restantes deste ano. No entanto, por ora, não há previsão de retomada das operações em Mossoró”, avisou.

O aeroporto de Mossoró está sem voos comerciais desde março. Para piorar a situação o Governo do Estado está inadimplente com o Consórcio Infracea que administração o equipamento. Os serviços foram suspensos esta semana até que a dívida seja quitada.

Categorias
Matéria

Maioria dos passageiros da Azul optam por retornar a Mossoró com parte do trajeto feito por ônibus

Ontem avião da Azul Linhas Aéreas com destino a Mossoró não teve condições de pousar no Aeroporto Dix-sept Rosado por causa das condições climáticas da cidade (ver AQUI).

Foi necessário retornar a Recife. Na capital Pernambucana onde foram ofertadas três alternativas: 1) esperar o voo Recife/Mossoró de amanhã; 2) pegar um voo de Recife a Fortaleza e completar o trajeto para Mossoró de ônibus ontem mesmo; 3) pegar um voo de Recife a Fortaleza hoje e retornar a Mossoró de ônibus.

A segunda opções foi a preferida pela maioria dos passageiros. Uma parcela menor preferiu ficar em Recife e aguardar o voo de amanhã tendo em vista que a Azul não fornece voos para Mossoró aos sábados.

Azul providenciou e custeou hotel para e transporte para todos os passageiros.

Os relatos é de que a empresa cumpriu com louvor o que está previsto na lei para estes casos.

Nota do Blog: o procedimento da Azul foi exemplar diante de uma situação adversa e alheia a vontade de todas partes envolvidas. Cada um escolheu a melhor opção para si.

Categorias
Matéria

Azul tentará novo voo para Mossoró amanhã

Após não conseguir pousar em Mossoró, a Azul Linhas Aéreas tentará um novo voo para a capital do Oeste amanhã.

Os passageiros estão sendo acomodados em um hotel na capital pernambucana.

O voo de amanhã ainda não tem um horário definido.

Saiba mais em:

Avião da Azul não consegue pousar em Mossoró e retorna para Recife. Entenda o caso

Categorias
Matéria

Avião da Azul não consegue pousar em Mossoró e retorna para Recife. Entenda o caso

O voo o AZU5183 da Azul Linhas Aéreas que trazia passageiros de Recife para Mossoró não conseguiu pousar no aeroporto Dix-sept Rosado por causa de uma situação de teto baixo.

Na linguagem da aviação aérea teto baixo significa que as nuvens estavam muito baixas em Mossoró impossibilitando o pouso.

O piloto não conseguia enxergar a pista e após duas tentativas optou por retornar a Recife.

Esse tipo de dificuldade é comum em outros aeroportos, mas não em Mossoró.

Não há previsão de que o voo da Azul venha hoje para Mossoró.

Categorias
Matéria

Aeroporto de Mossoró voltará a ter voos noturnos

Aeroporto volta a operar voos noturnos (Foto: Assecom)

O Departamento de Estrada de Rodagem do Rio Grande do Norte (DER-RN), em parceria com a Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIN-RN), recebeu do Governo Federal o certificado definitivo para operar o Aeroporto Dix-sept Rosado.

A decisão é importante sobretudo para consolidar o turismo na região Oeste, por ser a porta de entrada para a Costa Branca.

O diretor do DER, Manoel Marques, informa que a medida pode atrair um novo voo comercial. “Vamos estudar um projeto para atrair mais voos e serviços”, afirmou.

Atualmente, o aeroporto de Mossoró tem voos comerciais da Azul Linhas Aéreas ligando Mossoró a Recife.