Categorias
Análise

Disputa da FECAM tem alvo: 2022

Lawrence e Paulinho batem chapa pela FECAM e de olho em 2022 (Fotomontagem: Blog do Barreto)

A disputa pela presidência da Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (FECAM/RN) se tornou um imbróglio judicial que deve movimentar o noticiário político do Estado nos próximos meses.

Mas por que a FECAM se tornou objeto de ferrenha disputa pelos presidentes das Câmaras de Mossoró e Natal?

A palavra-chave, ou melhor, o número-chave é 2022.

A entidade se tornou estratégica para os planos de quem almeja voos maiores na carreira política.

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró Lawrence Amorim (SD) sonha ser deputado federal, cargo para o qual bateu na trave em 2018, se tornando primeiro suplente da coligação Solidaridade/PSL/DC/PV/PSC. Trampolim parecido foi usado pelo hoje ministro Rogério Marinho (sem partido) em 2006 quando se elegeu deputado federal.

Já no caso de Paulinho Freire (PSDB) a situação é mais ampla. O presidente da Câmara Municipal de Natal integra um projeto político de grupo liderado pelo presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB).

Não é só a simples presidência da FECAM que está em jogo, mas a ocupação de espaços institucionais com vistas a 2020.

Categorias
Artigo

Lawrence tenta ser presidente da FECAM para repetir Rogério Marinho

Lawrence foca em 2022 (Foto: Canindé Soares)

Se presidente da Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (FECAM/RN) está no radar do vereador Lawrence Amorim (SD). A ascensão faz um projeto que vem sendo traçado com régua e compasso para chegar à deputação federal.

O primeiro passo foi dado quando ele se elegeu presidente da Câmara Municipal de Mossoró se habilitando para concorrer ao comando da FECAM.

A meta é estadualizar o nome de Lawrence para credenciá-lo a uma vaga na Câmara dos Deputados em 2022.

Se o roteiro não sofrer alterações ele repetirá a estratégia de Rogério Marinho que presidiu a FECAM e a Câmara Municipal de Natal entre 2005 e 2006. A partir daí ele construiu uma rede de contatos no interior do Rio Grande do Norte.

Deu certo!

Ele foi eleito deputado federal em 2006 com 130.063 (8,01%) votos.

Além de vereador, Lawrence é suplente do deputado General Girão (PSL). Nas eleições de 2018 ele recebeu 24.551 (1,53%) votos sendo 10.153 (9,25%) em Mossoró, onde foi o terceiro mais votado.

Presidir a Câmara de Mossoró e a FECAM certamente lhe renderá uma estrutura para melhorar essa votação.

Categorias
Matéria

FECAM disponibiliza modelo de regimento interno para Câmaras Municipais

Raniere no curso do TCE (2)
Presidente da Fecam, Ranieri Barbosa

A Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (Fecam-RN) está disponibilizando um modelo de regimento interno atualizado para as casas legislativas do Estado. O documento está disponível para os presidentes de Câmaras na sede da entidade em Natal e pode ser solicitado pelo telefone 3211-0845.

O objetivo da Fecam-RN, segundo o presidente da entidade, Raniere Barbosa, é facilitar a atualização das Câmaras Municipais potiguares, melhorando ainda mais o trabalho dos vereadores a favor das suas cidades.

“Esta é uma ação simples, mas de fundamental importância para o bom funcionamento do poder legislativo municipal. São várias as reivindicações junto a Fecam-RN neste sentido e, agora, estamos atendendo a este pleito para que as Câmaras possam melhorar ainda mais seus trabalhos pelos cidadãos potiguares”, disse Raniere, que também é presidente da Câmara Municipal de Natal.

Categorias
Matéria

Presidente da FECAM cumpre agenda em Mossoró

Raniere em Santa Cruz (1)

O presidente da Fecam-RN, vereador Raniere Barbosa (PDT), cumpre agenda nesta segunda-feira (13) na região Oeste potiguar. Às 10 horas, o presidente da Câmara Municipal de Natal visitará a sede do legislativo de Assu. Depois, segue para Mossoró.

Na capital do Oeste, Raniere concederá entrevistas à imprensa e terá um almoço com vereadores e presidentes de câmaras da região a partir das 13 horas. Às 15 horas tem reunião para tratar da instalação do polo regional Alto Oeste da Fecam, na Câmara de Mossoró.

Por volta das 16 horas o encontro será com o vereador Bruno Melo, presidente da União dos Vereadores do Rio Grande do Norte (Uvern), onde também estarão presentes demais membros da instituição.

Na terça-feira (14) o vereador Raniere Barbosa seguirá para a cidade de Lajes, onde também se reunirá com vereadores na Câmara Municipal. Na oportunidade será debatida a instalação do polo regional Central da Fecam.

Categorias
Matéria

Silveira retira candidatura e Ranieri Barbosa é eleito presidente da FECAM

fecam

O ex-prefeito Francisco José Junior (PSD) retirou a candidatura a presidente da Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (FECAM/RN) abrindo espaço para o consenso em torno do  vereador de Natal Ranieri Barbosa (PDT).

A chapa inclui a mossoroense Izabel Montenegro (PMDB) como segunda vice-presidente da entidade.

Em outubro, o ex-prefeito de Mossoró tinha articulado a mudança no regimento da FECAM permitindo que ex-presidentes de Câmaras pudesse assumir o comando da entidade. Mas a articulação acabou sendo abortada com a reação de lideranças políticas.

Categorias
Matéria

Izabel afirma que é candidata a presidente da Fecam para acabar com “palhaçada” de Silveira

izabel-no-meio-dia

A presidente da Câmara Municipal de Mossoró Izabel Montenegro (PMDB) já avisou que vai disputar o comando da Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (FECAM/RN). Será um embate Mossoró x Mossoró.

Indignada com a mudança do regimento da entidade sem ampla divulgação ocorrida em outubro do ano passado, ela disse que está na disputa: “Sou  (candidata) e vou fazer o que puder para cancelar essa palhaçada”, avisou.

Segundo o Blog do Barreto apurou Izabel conta com os apoios de Henrique Alves e Garibaldi Filho para presidir a entidade.

Categorias
Matéria

Francisco José Junior articula recomeço como presidente de entidade

francisco-vulcano

O ex-prefeito Francisco José Junior (PSD) já sabe o que quer para a vida pós-prefeitura: quer presidir a Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte (FECAM/RN).

Mas como pode? Ele não é vereador? Pois é. Há uma clausula no regimento da entidade que permite que ex-vereadores podem concorrer.

O ex-prefeito de Mossoró já teria, inclusive, chapa formada e articulado o pleito para amanhã.

Ele presidiu a entidade em 2013 quando estava a frente da Câmara Municipal de Mossoró.