UFERSA adia colação de grau após decisão que derrubou censura prévia

Abaixo nota a Reitoria  da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) decidiu adiar a colação de grau remota prevista para hoje após a decisão da juíza substituta da 9ª Vara Federal de Mossoró Lianne Pereira da Motta Pires Oliveira.

Em liminar suspendeu os efeitos da Portaria 008 do Gabinete da Reitoria que proibia manifestações do alunos durante a solenidade.

Abaixo a nota:

Em virtude da decisão judicial proferida pela Defensoria Pública da União, o Gabinete da Reitoria da Universidade Federal Rural do Semi-Árido vem comunicar a revogação da Portaria UFERSA/GAB n. 008, de 08 de janeiro de 2021, sobre as normas e procedimentos referentes à solenidade de Colação de Grau no formato remoto, para os estudantes de graduação das turmas 2020.1 e dos cursos de graduação EaD 2020.2.

Com a revogação da Portaria, a solenidade que aconteceria às 19h desta segunda-feira, 11 de janeiro, foi transferida para a próxima sexta-feira, dia 15 de janeiro, das 14h às 16h, na modalidade remota. A reitoria informa ainda que na próxima quarta-feira, dia 13 de janeiro, a Universidade estará divulgando os procedimentos para a participação dos concluintes na solenidade de formatura.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *