Salário de Cláudio Santos em outubro é superior ao que a UERN investe por mês em uma turma de medicina

claudio-santos-grana

O salário do desembargador Cláudio Santos no mês de outubro foi de R$ 44.155,37. Levando em consideração que a média de investimento da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) por aluno/mês é de R$ 944 o custo mensal do contribuinte com o presidente do Tribunal de Justiça é superior com uma turma de medicina.

Anualmente a UERN recebe duas turmas de medicina, uma em cada semestre. Cada uma delas conta com 30 alunos num custo mensal de R$ 28.320.

Numa média geral os R$ 44.155,37 pagos a Cláudio Santos apenas no último mês de outubro equivalem a 46 estudantes da UERN que forma médicos, dentistas, operadores do direito, jornalistas e professores.

Isso porque o Blog do Barreto excluiu do levantamento como os auxílios recebidos pelo magistrado que não estão expostos no Portal da Transparência do Tribunal de Justiça, mas ultrapassam a casa dos R$ 6 mil.

Outro ponto é que o presidente do TJ/RN, considerado o mais caro e improdutivo do país, recebe acima do teto de R$ 33.763,00 imposto ao funcionalismo estadual do Rio Grande do Norte.

Compartilhe:

Comments

comments

11 opiniões sobre “Salário de Cláudio Santos em outubro é superior ao que a UERN investe por mês em uma turma de medicina

  • 1 de novembro de 2016 em 11:53
    Permalink

    Isso é uma vergonha! ainda fica querendo dar uma de moralista.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 11:57
    Permalink

    #OrgulhoDecomUern. Bruno parabéns pela matéria! É assim que respondemos. Não é o povo do Direito que diz: “contra fatos, não há argumentos!”.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 12:20
    Permalink

    Esse pessoal deveriam dá o sangue para justificar os altos salários recebidos.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 12:41
    Permalink

    Pois é. Um discurso não muito feliz. É notório a visão elitizada e não democrática.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 13:23
    Permalink

    Esse é mais um exemplo de um verdadeiro sem vergonha que trabalha no TJ/RN, é um palhaço isso que ele é! #EmDefesaUERN

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 14:26
    Permalink

    esse cara nao poderia te cido mais infeliz do o que foi ninguém nunca tinha aberto a matraca pra profirir.tantos impropérios vocês da justiça um bando de parasitas que nao produzem nada e gaha um absurdo só pra ficar sentado numa poltrona caríssima. Soltando peitdo.pos bestas e nos ainda ter que escutar você escarnear.de nos é dado lascar
    Raimundo nunis leitão
    TV

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 21:15
    Permalink

    Aproveite e publique o salário do ex-reitor Walter Fonseca. Acho que vc não vai publicar.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 21:48
    Permalink

    PODER JUDICIÁRIO,ADORA POSAR DE CORRETO,MAS,SÃO OS MAIS ERRADOS,OS MAIORES SALÁRIOS E OS MAIS INOPERANTES.

    Resposta
  • 1 de novembro de 2016 em 22:44
    Permalink

    #ÉSÉRIO??
    ISSO É UMA MISERIA….
    A UERN merece respeito…
    A UERN é uma IES de responsabilidade!!

    Resposta
  • 2 de novembro de 2016 em 07:11
    Permalink

    Esse Cláudio Santos deve trabalhar 15 h por dia que é o equivalente ao que um gestor de escola pública trabalha. Só que não!

    Resposta
  • 2 de novembro de 2016 em 13:37
    Permalink

    Esse é que é o grande problema da nossa sociedade, escolhem a cada momento alguém para bode expiatório e parece que se realizam em ter alguém para atirar pedras. mas na hora de uma tomada de decisão acabam se vendendo ou vendendo seu voto. Porque o grande problema desses valores aviltantes são culpa de uma estrutura político Administrativa desestruturada e sem limitações mínimas.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *