O drama de quem vive com o salário atrasado

“Boa tarde Bruno Barreto! Sou funcionário da Terceirizada Prime PMM. Gostaria de pedir sua ajuda pra expor o assunto do atraso dos salários que já está entrando pra o terceiro mês…. Tenho conta, com altos juros pq não tô conseguindo pagar, até o que comer tá difícil de conseguir, se não fosse minha mãe me ajudando eu, minha esposa e filho já estaria passando fome, e sem contar o meu aluguel atrasado. Se poder nos ajudar tornando esse assunto na mídia eu agradeço. Só peço sigilo no meu nome pq se não sofrerei com a perseguição desse povo incompetente da PMM. Desde já agradeço”, esse é o relato via Whtasapp que recebi agora há pouco.

É o destino ingrato de quem trabalha e não recebe salários em dia.

O Blog fez contato com o diretor da Prime, Evandro Rodrigues, que admitiu o salários atrasados em dois meses e que aguarda o pagamento da Prefeitura de Mossoró. “Há atraso de dois meses apenas. A previsão é de pagar em breve quando for repassado o dinheiro da Prefeitura que pode sair a qualquer momento”, frisou.

O problema é que Francisco José Junior (PSD) tem afirmado reiteradamente que a Prefeitura de Mossoró pode atrasar os repasses em até dois meses e que isso não dá à Prime o direito de atrasar os salários.

Sugestão do Blog do Barreto: a Prefeitura de Mossoró deveria fazer como a UERN faz. Quando a terceirizada não cumpre o compromisso contratual é notificada e isso é tornado público.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *