“Aguardaremos uma posição do governador”, diz Francisco José Junior

Silveira

O prefeito Francisco José Junior (PSD), candidato a reeleição, escolheu o Facelive para dizer que acredita que foi um mal-entendido a desatenção do governador Robinson Faria (PSD) com a primeira dama Amélia Ciarlini. “Aguardaremos uma posição do governador. Prefiro acreditar que ele jamais deixaria de atender uma ligação da minha esposa”, avaliou.

Ele explicou que a primeira dama se confundiu e usou a senha dele do Facebook. “Amélia fez isso sem combinar comigo”, garantiu.

O prefeito disse ainda que se o governador não seguir com ele, a vida seguirá: “Se eu for abandonado mais uma vez vou resistir”.

Ele aproveitou a oportunidade para alfinetar a ex-governadora Rosalba Ciarlini, sua adversária na disputa pela Prefeitura de Mossoró, lembrando que ela não investiu em saúde. “Houve uma falta de atenção de uma governadora com a sua cidade. Cid Gomes construiu três hospitais em Sobral, mas Rosalba não pagou nem o plus”, disparou.

Ele disse que o desabafo de Amélia foi motivada pelas dificuldades na saúde onde a Prefeitura de Mossoró assume uma conta que deveria ser do Governo do Estado. O chefe do executivo municipal disse esperar mais de Robinson Faria nessa área. “Esperávamos que a falta de apoio da governadora na saúde fosse superada elegendo Robinson”, disse.

O prefeito explicou que os problemas na saúde provocaram o atraso dos terceirizados. “Chegou um momento em que ou eu pagaria os terceirizados ou pagaria as cooperativas. Eu não poderia deixar as pessoas morrerem. Há uma dívida do Governo do Estado com Mossoró”, disse.

A Prefeitura é obrigada a investir 15% na saúde e hoje colocar 32% do orçamento.

Amélia

No final da transmissão Amélia, declarou que tem as opiniões dela que não necessariamente são as mesmas do prefeito. “Nós temos força e podemos caminhar, sim, com os nossos esposos com as nossas opiniões”, frisou.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter