Assembleia aprova fim da lista tríplice na eleição de reitor da UERN

A Assembleia Legislativa aprovou por unanimidade o Projeto de Lei que extingue a lista tríplice para nomeação de reitor e vice-reitor da UERN.

A proposta vai a sanção da governadora Fátima Bezerra.   O Governo do RN passará a nomear os vencedores da eleição promovida pela comunidade acadêmica.

A proposta foi defendida tanto pelo líder do governo na Casa, deputado Francisco do PT, como pela deputada Isolda Dantas. “A UERN tem reconhecimento da comunidade universitária. Esse projeto permite que reitores eleitos sejam os empossados. Tivemos situações que levaram a queda desse princípio democrático em outras universidades, daí a importância desse projeto, que garante que reitor eleito seja o nomeado e acaba com lista tríplice para UERN”, disse Isolda.

A reitora eleita Cicília Maia elogiou a decisão. “Acreditamos em uma universidade democrática, com respeito à vontade de sua comunidade acadêmica para decidir os rumos da instituição. A aprovação pela Assembleia Legislativa do projeto que garante a nomeação dos mais votados para a reitoria e vice-reitoria da UERN é um momento histórico também, na semana que antecede os 53 anos da universidade. É a certeza de que, independente de quem esteja na cadeira de governadora ou governador, a vontade dos estudantes, docentes, técnicos e técnicas da UERN será respeitada. É um dia de comemoração da democracia”, frisou.

“A aprovação do projeto de lei que garante a nomeação, pelo Governo do Estado, dos candidatos mais votados pela comunidade acadêmica para a reitoria e vice-reitoria da UERN é um passo muito importante na história do fortalecimento da democracia interna da universidade. Temos certeza que logo o projeto será sancionado pela governadora. No ano de seus 53 anos, a UERN, a Assembleia Legislativa e o Governo do RN dão exemplo de postura democrática para todo o Brasil”, disse a Reitora em exercício da UERN, Fátima Raquel.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter