Câmara Municipal terá maior bancada feminina da história

heloisa-leao
Heloisa Leão de Moura é a primeira vereadora de Mossoró

Em 164 anos de história a Câmara Municipal de Mossoró teve apenas 12 vereadoras. A primeira delas foi Heloisa Leão de Moura que foi eleita em 1962. Ontem a lista ganhou três novas integrantes: Sandra Rosado (PSB), Aline Couto (PHS) e Isolda Dantas (PT). Elas se juntam a Izabel Montenegro (PMDB) e à Maria das Malhas (PSD) que retorna ao legislativo municipal.

Esta será a legislatura com o maior número de mulheres, superando a de 2005/09 que teve três. Nunca tantas mulheres foram eleitas. A Câmara Municipal contraria a mística da força da mulher mossoroense na política. A casa é historicamente machista. Na eleição de 2012 apenas Izabel Montenegro foi eleita. Cícera Nogueira só se tornou vereadora graças a eleição de Francisco José Junior (PSD) para a prefeito.

Agora a casa terá uma representação feminina respeitável pelo ponto de vista da qualidade das eleitas. Cada uma, ao seu modo, é bastante a atuante. Isolda tende a ser bastante incisiva no plenário e terá um mandato girando em torno das causas da esquerda; Sandra traz a experiência de quem já esteve na Câmara dos Deputados; Aline Couto será uma voz constante no plenário e na área comunitária; Izabel é muito atuante e usa a tribuna com frequência; Maria das Malhas é conhecida por ser a “formiguinha” pela atuação intensa junto aos mais carentes.

Mas a qualidade está aquém da quantidade. Mossoró pode e deveria ter mais mulheres na Câmara. Que o crescimento da bancada feminina se torne uma tendência.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *