Empresa desfaz obra alegando falta de pagamento. Prefeitura de Mossoró nega

A empresa ELC, contratada para fazer o calçamento da Rua Manoel Ferreira na comunidade rural do Jucuri, decidiu desconstruir a obra feita na tarde desta terça-feira, 19.

A alegação é de falta de pagamento.

A versão dita pelos funcionários da empresa é de que houve falta de pagamento. O Blog do Barreto tentou contato com a ELC, mas o telefone estava desligado.

A medida causou apreensão entre os moradores da comunidade que já vinham sofrendo com transtornos causados pelo atraso da obra.

OUTRO LADO

Procurada pelo Blog para apresentar sua versão, a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Mossoró negou o débito e explicou que realizou distrato do contrato com a ELC por descumprimento de prazo.

Confira a nota:

No dia 5 de fevereiro, a Prefeitura de Mossoró, publicou no Jornal do Municipio (JOM), o termo do Distrato  do contrato  com a Empresa  ECL- Engenharia  e Construção Ltda, responsável pavimentação a paralelepípedo das ruas Manoel Ferreira, na comunidade do Jucuri.  A empresa não concluiu a obra que deveria ter sido entregue em maio do  ano passado. Não há nenhum débito com a ECL.  A Prefeitura já convocou a segunda empresa ganhadora do processo licitatório, a PJ Engenharia, que reiniciará a obra, ainda esta semana. São quase 700 metros de calçamento na comunidade de Jucuri. 

Nota do Blog: A comunicação do município acrescenta que a Prefeitura vai mandar um fiscal ao local e caso tenha alguma medição de serviço feito, será pago. Outro esclarecimento é de que como o contrato foi reincidido, a empresa pode levar o material dela.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter

Canal Bruno Barreto