Ex-candidato a prefeito de Mossoró vira reitor sem receber um único voto

Josué Moreira vira um reitor sem voto (Foto: Web/Autor não identificado)

O professor Josué Moreira (PSL) conseguiu uma proeza digna do seriado House of Cards: chegar a um mandato eletivo sem conquistar um único voto. Foi assim que ele se tornou reitor do Instituto Federal do Rio Grande do Norte.

“Eterno candidato” a prefeito de Mossoró, sempre com votações inexpressivas, o professor do IFRN que nem disputou a reitoria em dezembro foi nomeado para a função de reitor.

Na era bolsonarista que despreza a vontade da comunidade acadêmica, Josué Moreira de perfil ameno e agregador acabou sendo alçado para uma função que sequer se candidatou.

Hoje o Diário Oficial da União traz a número 405 de 17 de abril de 2020 com o ministro da educação Abraham Weintraub nomeando-o na condição de pró-tempore.

A articulação teve a frente o deputado General Girão (PSL) que ontem avisou no Twitter que estava chegando a hora da onça beber água.

Na eleição realizada em dezembro o professor José Arnóbio de Araújo Filho recebeu 48,25% dos votos, derrotando o atual reitor Wyllys Farkatt Tabosa, que teve 42,26%.

Nota do Blog: a informação da nomeação de Josué Moreira foi dada ontem em primeira mão pela jornalista Thaísa Galvão.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter