Julgamento do avião não acontece no TSE

Não foi hoje, 10 de novembro, que foi finalizado o julgamento do caso do avião no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Numa sessão rápida a corte não abordou a questão que definirá os rumos das eleições em Mossoró no próximo ano.

A ministra relatora Maria Thereza Assis Moura não esteve presente no TSE. Luciana Lóssio, que estava no pleno, pode apresentar o voto-vista na próxima quinta-feira.

Há quase duas semanas o julgamento foi interrompido com placar de 1 x 0 para manutenção de cassação de Cláudia Regina (DEM) e multa para a ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP).

O resultado do julgamento não altera a situação de Cláudia que possui outras 11 cassações definitivas. Já para Rosalba é o futuro político dela que está em xeque.

Uma nova cassação de  Cláudia somada a uma multa para a ex-governadora pode deixá-la  (Rosalba) inelegível por conta da lei da ficha limpa. O meio jurídico de Mossoró se divide em relação a isso.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *