Mais de 80 potiguares morrem esperando vaga de UTI/Covid-19 em um mês

No dia 21 de abril (ver AQUIBlog do Barreto informou que o Rio Grande do Norte tinha ultrapassado a triste marca de 700 pessoas mortas por covid-19 enquanto aguardavam um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Para ser mais preciso naquela data eram 705 pessoas mortas nesta situação. Um mês depois o quadro segue preocupante com 83 morrendo sem ter a chance de ser colocado num leito de UTI, totalizando 788 desde o início da pandemia conforme o site Regula RN.

Fonte: Regula RN/Lais/Sepap

A fila de espera segue alta no Estado. No fechamento desta matéria (15h) 71 pessoas estão disputando 16 vagas disponíveis e outros 19 estão bloqueados.

A taxa de ocupação de leitos críticos no RN é de 96% sendo que nas regiões Oeste e Seridó está 100%. A Região Metropolitana de Natal é a única com leitos disponíveis ainda assim a ocupação é de 93,6%.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter