Petrorecôncavo é a redenção da indústria petrolífera do RN? Conheça os números que ela tem que manter

Riacho da Forquilha gera 350 empregos em Mossoró (Foto: autor não identificado)

Muita gente trata a vinda da Petrorecôncavo para o Rio Grande do Norte como a redenção da indústria petrolífera do Rio Grande do Norte.

Mas como estão os 34 campos adquiridos pela empresa privada em leilão?

O Blog do Barreto levantou os números junto ao Sindpero/RN. A produção atual é de 6.200 barris. Em dezembro de 2016 eram de 8.600. “A queda foi devido ao processo de venda que fez a Petrobrás abandonar os investimentos, a produção se mantinha estável há dez anos”, explica o secretário-geral do Sindpetro Pedro Lúcio Góis.

Somente em Riacho da Forquilha são atualmente 350 trabalhadores empregados diretamente nas concessões. Isso sem contar o pessoal administrativo e operacional indireto que fica na Base-34 em Mossoró e na Base de Natal. “Se for para estimar o indireto eu colocaria mais 150. Esse número era maior em 2016”, acrescenta Pedro.

Fala-se que a Petrorecôncavo vá contratar 200 funcionários, o que na prática seria a extinção de 150 postos de trabalho.

Outra preocupação do sindicato é quanto a manutenção das operações. “Riacho é duas vezes maior que todas as outras operações da PetroRecôncavo no país juntas. Caso a empresa não seja bem-sucedida nessa área, quem a socorrerá, a Petrobrás?”, questiona.

A 6.200 barris gera um faturamento anual de R$ 638 milhões para a Petrobras anualmente.

Compartilhe:

Comments

comments

5 opiniões sobre “Petrorecôncavo é a redenção da indústria petrolífera do RN? Conheça os números que ela tem que manter

  • 9 de maio de 2019 em 21:54
    Permalink

    Ninguém de bom senso , acha q é a redenção econômica de Mossoró. Mas, trás uma nova perspectiva de aumento de emprego e renda. Ou não?

    Resposta
  • 10 de maio de 2019 em 09:49
    Permalink

    Bom dia

    Foram 34 Campos e não 34 poços

    Resposta
    • 10 de maio de 2019 em 09:57
      Permalink

      Corrigido. Toda vez eu troco rs

      Resposta
  • 10 de maio de 2019 em 09:59
    Permalink

    Concordo. Virá para somar.

    Resposta
  • 10 de maio de 2019 em 11:14
    Permalink

    Pior seria sem alternativa nenhuma. Deus abençoe a vinda dessa empresa.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *