Prefeito enfrenta focos de insatisfação na bancada governista

Allyson tem dificuldades com bancada (Foto: Allan Pablo/PMM)

A maioria sólida do prefeito Allyson Bezerra (SD) na Câmara Municipal de Mossoró pode ser comparada a um gigante de pés de barro.

Explico!

Ele conta com 18 apoiadores no legislativo municipal contra cinco oposicionistas, mas existem focos de insatisfação na bancada sobretudo dos parlamentares com passado rosalbista como Zé Peixeiro e Ricardo de Dodoca, ambos do PP.

Há quem os coloque já como carta fora do baralho governista.

Esta semana o prefeito tentou aprovar mais um projeto em regime de urgência e sem discussão. Trata-se da proposta que desvincula 30% da receita da Contribuição Econômica para Custeio dos Serviços de Iluminação Pública (CIP) para aplicar em outras áreas da administração pública.

A bancada boicotou a votação. Não foi um rasgo de dignidade em defesa da independência do parlamento nem muito menos um gesto de preocupação com a coisa pública.

Foi apenas um recado para que algumas demandas sejam atendidas para garantir a aprovação da proposta.

Allyson contra-atacou com o anuncio da adesão do vereador Lucas das Malhas (MDB), fato que já era esperado por quem acompanha a política local.

Foi um recado no estilo: “se vocês não querem, tem quem queira”.

Vamos esperar para saber quanto tempo dura a tensão.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter