RN tem a menor participação feminina nas polícias, diz IBGE

RN tem o menor percentual de participação feminina do país (Foto: reprodução)

Com a composição feminina de 5,3%, as polícias do Rio Grande do Norte possuem a menor proporção de mulheres de todo o Brasil. É o que aponta levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A posição não é novidade. Em 2014, as mulheres representavam 5,1% do total de servidores das Polícias Militar e Civil. Em números absolutos, havia 549 mulheres de um total de 10.855 policiais ativos em 2014.

Em dezembro de 2018, eram 483 mulheres de um efetivo de 9.063. Quando se analisa apenas a Polícia Militar, a participação das mulheres é ainda menor: somente 2,4% do efetivo é feminino. São 183 mulheres em um total de 7.682 militares. Esses números também deixam o estado potiguar como o último na participação feminina nas Polícias Militares.

Professoras universitárias

No Rio Grande do Norte, as mulheres são 46,2% da docência de ensino superior. Essa é a menor proporção do Norte e Nordeste ao lado do Amapá (46,2%).

O percentual é próximo da média do Brasil (46,8%). De acordo com o estudo do IBGE, as instituições de ensino superior potiguares têm 3.333 professoras e 3.888 professores. Os dados incluem universidades, centros universitários, faculdades e institutos federais.

A maior proporção de professoras no ensino superior é da Bahia (51,8%). No outro extremo do ranking, aparece São Paulo (43,4%).

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *